30 anos do primeiro ingresso de mulheres na PMMG

30 anos do primeiro ingresso de mulheres na PMMG

Em 20 de maio 1981, quando a Polícia Militar em Minas Gerais (PMMG) era comandada pelo coronel Jair Cançado Coutinho, o então governador Francelino Pereira dos Santos assinava o ato que criava a Companhia de Polícia Feminina. Pouco tempo depois, em 1º de setembro de 1981, tinha início a primeira turma de formação de sargentos femininos da PMMG. Na época, 2,4 mil candidatas se inscreveram ao concurso público, que selecionou 120 para participar do curso. A formatura aconteceu em 2 de abril do ano seguinte e culminou com a graduação de 112 policiais.

Pelo compromisso e pela dedicação, essas profissionais conquistaram a  credibilidade e o respeito dos colegas de trabalho e da comunidade.

No mês de setembro de 2011, as comemorações em todo o Estado de Minas Gerais terão o objetivo de reconhecer o trabalho da mulher na Polícia Militar mineira e reforçar o papel destas profissionais no processo de constante renovação e crescimento pelo qual passa a instituição em seu empenho por tornar o mundo um lugar melhor para se viver.

O tema dos eventos de aniversário é “30 anos da mulher na PMMG, o olhar feminino no fortalecimento da cidadania”.

Certamente, a Polícia Militar mineira e toda a população têm muito a comemorar, pois, além de mães, esposas e filhas, as policiais femininas são construtoras da cidadania e da paz social. A elas, o nosso respeito e admiração.

Um abraço para todas as policiais femininas.

Notícias relacionadas