Ação rápida ajuda a salvar recém-nascida no Barreiro

Ação rápida ajuda a salvar recém-nascida no Barreiro

Uma criança recém-nascida, engasgada com o próprio vômito, foi socorrida pela PM e pelo Corpo de Bombeiros, na tarde d ontem (26), na rua Alto Paulista, no Barreiro.

A solicitante, uma mulher de 25 anos, acionou a Polícia Militar pelo 190 informando que sua filha de apenas dois meses, estava engasgada com o próprio vômito. Os militares da Central de Operações da Polícia Militar orientaram a mãe via telefone, sobre os primeiros procedimentos para salvar a própria filha.

Viaturas da PM deram apoio ao resgate do corpo de bombeiros, o que possibilitou maior fluidez no trânsito até o encontro com outra viatura da Policia Militar, onde estava a recém-nascida. Os próprios militares conseguiram desengasgar a criança, que voltou a respirar.

Na Santa Casa de Misericórdia, a criança foi socorrida e após ser atendida pelo médico plantonista foi liberada. Os militares registraram um boletim de ocorrência simplificado, relatando o ocorrido para providências cabíveis.

Jardim Natália

Moeda falsa

Uma comerciante foi vítima de pagamento com moeda fala, na tarde de ontem (26), às 17h45, na rua Valdemar Inácio de Souza, no Jardim Natália, onde a PM realizou a apreensão da nota.

A solicitante, uma mulher de 20 anos, relatou aos militares que estava em seu local de trabalho (uma mercearia), onde trabalha como caixa, quando chegou uma mulher e realizou uma compra no valor de R$30. Em seguida efetuou o pagamento da mercadoria com uma nota de R$100 e recebeu o troco de R$70,00. Após a compra, a golpista saiu do local em um veículo Saveiro, cor branca, modelo novo, tomando rumo ignorado.

A funcionária da mercearia percebeu que a nota de R$100 aparentava ser falsa e acionou a Polícia Militar.

Os militares realizaram a apreensão da referida nota e registraram o boletim de ocorrência, sendo entregue na Delegacia de Polícia Civil, para as devidas providências.

São Francisco
                                          
Briga entre três homens

Três homens se envolveram em uma briga no bairro São Francisco na noite desta quarta-feira, 26, por volta das 22h30, na rua Antônio de Freitas.

Um dos envolvidos, um funileiro de 47 anos, relatou aos militares que estava em sua residência, quando chegaram dois homens, sendo pai e filho. Por motivos conjugais, os dois começaram a agredir fisicamente o funileiro, causando no mesmo uma lesão na cabeça.

Com uma queda ao chão, um dos agressores, um homem de 50 anos, bateu a cabeça no asfalto e sofrendo traumatismo craniano. O funileiro e um dos agressores foram socorridos até o Pronto Atendimento Municipal (PAM), onde foram atendidos pelo médico plantonista.

Após o atendimento medico, o agressor, um homem de 50 anos, que reside na rua Leda Lima Laguardia, bairro São Francisco, ficou internado, e os outros envolvidos foram presos em flagrante delito, sendo qualificados no boletim de ocorrência, como um funileiro de 47 anos, residente na rua Antonio de Freitas, bairro São Francisco e um auxiliar de serviços gerais de 23 anos, residente na rua Leda Lima Laguardia, bairro São Francisco.

A Polícia Militar registrou o boletim de ocorrência, sendo entregue na Delegacia de Polícia Civil, onde os envolvidos foram apresentados para as devidas providências.

Novo São Geraldo

Tentativa de homicídio

A tentativa de homicídio ocorreu na rua Edimo Mesquita, no bairro Novo São Geraldo, onde a PM compareceu e prendeu um homem armado com um facão, por volta das 21h30, da noite desta quarta-feira, 26.  

A vítima, um pedreiro de 46 anos, relatou aos militares que foi até a casa de sua ex-mulher, para visitar sua filha. Porém, o atual marido de sua ex-mulher impediu sua visita.

A vítima informou aos militares que ao passar próximo a residência da ex-mulher, logo em seguida, foi surpreendido pelo autor, que armado de facão lhe desferiu vários golpes, atingindo nas costa, orelha direita e no pescoço. O autor ainda tentou golpear o pedreiro no abdômen, mas foi impedido por uma testemunha.

Os militares se fizeram presentes no local e efetuaram a prisão em flagrante delito do autor. Ele foi qualificado como um homem de 32 anos, residente na rua Edimo Mesquita, bairro Novo São Geraldo.

Os militares registraram o boletim de ocorrência, sendo entregue na Delegacia de Polícia Civil, onde o autor foi entregue na condição de preso em flagrante delito para as devidas providências.

Notícias relacionadas