Acusado de matar músico Otávio de Mederos é condenado a nove anos de prisão

Acusado de matar músico Otávio de Mederos é condenado a nove anos de prisão
Foto: Willian Tardelli

Samuel Torres Cruz, acusado de matar o músico Otávio de Mederos em 2011, foi condenado a nove anos de prisão. O julgamento foi realizado nesta quarta-feira (22) no Tribunal do Juri. O réu foi denunciado por homicídio consumado e qualificado pelo motivo fútil, além de recurso que dificultou a defesa da vítima.

O crime aconteceu há cinco anos em uma Boate localizada na av. Imbiara. Segundo o Ministério Público, o réu tinha uma desafeição pela vítima porque Otávio estava “ficando” com sua ex-namorada.

Por este motivo e de maneira inesperada, Samuel desferiu um potente soco em Otávio. O músico estava de costas na pista da boate e acabou caindo. Ele bateu a cabeça no chão e sofreu traumatismo craniano. Poucos dias depois ele não resistiu e morreu. Samuel Torres chegou a ser preso, mas aguardava o julgamento em liberdade.

Após os trabalhos de acusação e defesa, o magistrado se reuniu em sala secreta com o corpo de jurados. Logo em seguida a sentença foi lida aos pressentes e ao réu. Samuel Torres foi condenado a nove anos de prisão em regime fechado, porém foi dado a ele o direito de recorrer em liberdade.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *