Araxá entre os 15 destinos turísticos indutores de Minas Gerais

Araxá entre os 15 destinos turísticos indutores de Minas Gerais

A partir deste ano, a Secretaria de Estado de Turismo (Setur) fará o mapeamento em dez municípios mineiros para que os mesmos se tornem indutores do desenvolvimento turístico regional.  O objetivo é tornar esses destinos referência para atração do turista nacional, possibilitando também, a distribuição do fluxo de visitação para outros municípios localizados em seu entorno.

Serão analisados como destinos turísticos indutores de Minas Gerais os municípios de São Lourenço, Caxambu, Camanducaia, Extrema, Capitólio, Alfenas, Formiga, Araxá, Poços de Caldas e Santana do Riacho.

O estudo irá medir o grau de competitividade dos destinos, avaliando dimensões como acesso, infra-estrutura geral, infra-estrutura turística, meio-ambiente, atividade econômica, cultura, marketing e promoção, atratividade e capacidade empresarial, dentre outros itens.

O propósito da Setur é fazer com que todos os destinos envolvidos tenham padrão de qualidade nos quesitos a serem avaliados e melhorados, através de esforços dos poderes públicos municipal, estadual, federal e de parcerias com a iniciativa privada. 

Em 2008, cinco municípios mineiros já receberam o estudo da Fundação Getúlio Vargas, encomendado pelo Ministério do Turismo e Sebrae Nacional – Ouro Preto, São João del Rei, Tiradentes, Diamantina e a capital Belo Horizonte.

“Vamos ampliar o estudo para outros 10 municípios de Minas, identificando as necessidades de cada destino. Este trabalho irá direcionar nossa política publica, que hoje é descentralizada e com foco no desenvolvimento sustentável de todas as regiões de Minas Gerais”, explica a secretária de Estado de Turismo, Érica Drumond.

Araxá

Terra de Dona Beja, Araxá, localizada no Circuito da Canastra, nasceu na cratera de um vulcão extinto, por isso tem terreno mineralizado – o que intensificou o surgimento de fontes minerais. O turista poderá relaxar nas águas terapêuticas e experimentar variados tipos de banho, inclusive de lama.

A 27 km de Araxá, na Serra da Bocaina, os amantes do vôo livre encontram uma pista para a prática do paraglider e asa delta. A rampa Horizonte Perdido, na fazenda Horizonte Perdido, na região da Canastra, tem 1.237 metros de altitude e uma vista maravilhosa.

Na região fica localizado o Parque Nacional da Serra da Canastra, onde está a nascente do Rio São Francisco. Com o relevo acidentado, a região é repleta de cachoeiras com mais de 100 metros de altura, como a de Casca D’Anta.

Notícias relacionadas