Araxá Esporte é rebaixado para à Terceira Divisão do futebol mineiro

Araxá Esporte é rebaixado para à Terceira Divisão do futebol mineiro
Foto: Na Batida do Esporte

O que era uma possibilidade acabou se confirmando após o apito final em Patos de Minas. Mais uma vez em sua história, o Araxá Esporte sofreu com rebaixamento no Estádio Bernardo Rubinger de Queiroz e, diante do Mamoré, neste sábado, 1°, perdeu de virada por 4 a 2 decretando o descenso à Segunda Divisão, que equivale a Terceira Divisão do Futebol Mineiro.

Depois de está vencendo de 2 a 0 na etapa inicial, o Ganso não conseguiu reeditar a boa atuação do primeiro tempo na etapa complementar e sofreu a virada no mesmo estádio que foi palco do rebaixamento da Primeira para a Segunda Divisão, denominado aqui pela Federação Mineira de Futebol (FMF) de Módulo II em 2013. Quatro temporadas já se passaram e, além de não ter conseguido o retorno à Elite, agora sofreu mais um descenso, um golpe duro para o futebol profissional de Araxá.

Jogo

Para a última rodada da 1ª fase do Campeonato Mineiro do Módulo II, a grande maioria da torcida do Araxá Esporte estava com a esperança que o clube poderia sair dessa situação incômoda. Na sexta colocação que se refere a última posição do grupo B, o alvinegro tinha que vencer para se livrar de disputar o Campeonato Mineiro da Segunda Divisão que, tradicionalmente, começa entre os meses de junho e agosto de cada temporada.

O início do jogo do Araxá em Patos de Minas foi animador. Com gols de Lima e Romarinho, aos 23 e 35 minutos do primeiro tempo, o clube já vencia o Mamoré por 2 a 0, uma boa vantagem que poderia ter sido melhor administrada pelo Araxá Esporte. Mesmo com o Sapo diminuindo o placar com Rayan aos 43 minutos do primeiro tempo e os vacilos da defesa do alvinegro, o torcedor estava esperançoso que o fantasma da Terceira Divisão não iria chegar ao Estádio Fausto Alvim.

Chegou o segundo tempo e a esperança do torcedor, aos poucos, foi indo embora. No primeiro minuto da etapa final, Luís Ricardo deixou tudo igual em Patos de Minas. A equipe alvinegra não conseguia reeditar a boa atuação que culminou nos dois gols do Ganso no primeiro tempo e o Mamoré aproveitou os vacilos do sistema defensivo do adversário para virar a partida.

Luizinho marcou o terceiro gol aos 13, e o quarto, aos 33 minutos decretando praticamente o rebaixamento do Araxá. O Ganso não fez a sua parte dentro do campo e, como em todo o campeonato, perdeu para ele mesmo produzindo uma campanha que empolgou pouco a torcida apaixonada do alvinegro. No decorrer da partida, os zagueiros Patrick e Kauê receberam cartões vermelhos.

Das seis derrotas em que o Ganso sofreu no Módulo II, cinco foram longe do torcedor. Um aproveitamento muito baixo em campo que teve ainda três empates, todos em casa, e somente uma vitória em dez jogos disputados.

O Araxá Esporte terminou na sexta posição com 6 pontos conquistados em trinta pontos em disputa. O CAP Uberlândia venceu fora de casa e permaneceu na quinta colocação com 9 pontos e o Mamoré continuou na quarta posição com 10 pontos.

Após o fim da primeira fase, Betinense, Tupynambás e Social, na chave A, e Patrocinense, Uberaba e Boa, na chave B, seguem para o hexagonal final do Módulo II em busca das duas vagas à Elite Mineira de 2018.

Mamoré 4×2 Araxá

Mamoré: Cristiano (Felipe), Bruninho, Michel, Rayan e Michael; Nailson, Luiz Ricardo, Radar (Rendel) e Luizinho; Mucuri e Wellington (Romarinho). Treinador: Wallace Lemos

Araxá: Neto, Lucas Evangelista (Virgolino), Kauê, Patrick e Pedro; Bernardo ( Caíque), Raul, Romário e Lima (Marcus Vinícius); Richard e Tizil. Treinador: Guiba.

Arbitragem: Ronei Cândido Alves, auxiliado por Pablo Almeida Costa e Marcelo Francisco dos Reis.

Resultados da rodada

Guarani 0x0 Betinense

Social 3×0 Tupynambás

Mamoré 4×2 Araxá

Boa 0x2 CAP Uberlândia

Uberaba 2×1 Patrocinense

Fonte: Na Batida do Esporte

Notícias relacionadas

1 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *