Araxá pode ganhar centro de treinamento para receber seleção durante a Copa de 2014

Araxá pode ganhar centro de treinamento para receber seleção durante a Copa de 2014

A confirmação de Belo Horizonte como uma das doze sedes a receber os jogos da Copa de 2014 já começa a criar expectativas nas cidades turísticas do Estado. O prefeito Jeová Moreira da Costa esteve na capital no início desta semana para uma reunião com a diretoria da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig). Um dos assuntos em pauta foi quais são as reais possibilidades de Araxá hospedar uma seleção europeia durante a competição. Jeová diz que considerou a reunião bastante positiva e projetos para a construção de um novo estádio e um centro de treinamento (CT) no Barreiro já começam a ser planejados.

Uma comissão da Federação Internacional de Futebol (Fifa) visitará nos próximos meses as dez cidades mineiras referência em turismo no Estado. A equipe vai analisar diversos critérios e apontar quais os municípios com condições de hospedar seleções e turistas internacionais. Araxá disputa com São Lourenço, Caxambu, Camanducaia, Capitólio, Sete Lagoas, Poços de Caldas, Santana do Riacho, Juiz de Fora e Caeté. Um estudo realizado pela Secretaria de Estado de Turismo (Setur) vai demonstrar quais as ações que já devem ser priorizadas em cada cidade indutora do turismo.

“Estamos dando início na busca de parcerias, mas entendemos que uma conquista dessas é boa para a população, a economia cidade e da região e para os próprios empresários. Não podemos deixar essa oportunidade passar, pois se colocamos uma delegação europeia em Araxá vamos vender a cidade para praticamente o mundo todo, é a viabilização de Araxá turisticamente. A Europa é o maior emissor de turistas do planeta e nos vamos lutar para hospedar uma grande seleção”, destaca o prefeito

Ele ressalta que Araxá tem estrutura e tradição para receber qualquer delegação que disputar a Copa de 2014. “Temos tradição porque hospedamos a Seleção Brasileira em 1958 e foi aqui que se iniciou o sucesso da equipe. Alem disso, Araxá tem um hotel que possui toda estrutura para receber uma seleção e os turistas. O que precisamos é fazer investimentos na cidade e preencher as reivindicações da Fifa e do país que procuramos vender a cidade. Um dos investimentos é a construção de um novo estádio, o shopping no centro da cidade e um centro de treinamento no Barreiro”, diz.

Jeová destaca que a prefeitura e a própria Codemig já está buscando pessoas com experiência na área para dar início ao projeto. “Temos que nos orientar para saber quais investimentos teremos que realizar. O centro de treinamento poderá ser construído naquela área onde há um campo de futebol e já estamos estudando a possibilidade de adquirir aquela área próxima à fazenda do Kamel, saída para Uberaba (MG), para construção do estádio. Um técnico responsável já visitou o local e considerou a área melhor que o terreno próximo ao Córrego do Feio”, afirma.

O prefeito diz que o governo do Estado já se mostrou interessado em trazer uma seleção para Araxá. “O vice-governador Anastasia que está responsável pelas decisões do Estado é bastante favorável e vê que é o momento de se vender turisticamente Minas Gerais. Como Araxá possui um grande potencial turístico, fomos escolhidos com um dos candidatos a receber seleções. O próprio vice-governador está focado nesse projeto, tanto que houve um investimento na ampliação do Aeroporto Romeu Zema.”

Notícias relacionadas