Arbitragem pisa na bola e Ganso fica no empate

Arbitragem pisa na bola e Ganso fica no empate

Erros da arbitragem foram decisivos para que o Ganso só ficasse no empate em 2 a 2 contra o Funorte, na tarde de hoje (20), no Fausto Alvim. O Araxá foi prejudicado por duas vezes com um gol mal anulado e um irregular validado para o Funorte. Na próxima rodada, o Araxá busca a primeira vitória no Campeonato Mineiro do Módulo II contra a URT e o Funorte briga para se manter invicto frente ao Poços de Caldas.

â–º Classificação e jogos da Chave A

â–º Classificação jogos da Chave B

Ganso sai na frente e tem gol mal anulado

Precisando reagir na competição, o Araxá começou no ataque e Max fez o goleiro Everaldo trabalhar logo aos 2 minutos, após boa cabeçada. O Funorte, que teve poucas chances na etapa inicial, respondeu com a jogada de Berg, mas que Tiago Pitbull errou feio, aos 7.

A partir daí só deu Ganso. As cobranças de falta de Rogério Sá levavam perigo ao gol de Everaldo que se mostrou inseguro na meta da equipe de Montes Claros. Aos 25, o Araxá chegou perto de abrir o placar depois da cobrança de escanteio de Ewerton, que Rafael Lemos completou na primeira, e no rebote, Max quase fez numa meia-bicicleta.

De tanto insistir, o Alvinegro balançou as redes do Formigão. Aos 30, Rogério Sá recuperou a bola no meio-campo, fez ótima jogada pela esquerda e deu uma assistência para Vinicius, de cabeça, tirar de Everaldo e fazer 1 a 0.

Com o forte calor, o camisa 10 do Funorte, Wellington Dias, deu um susto em todos, aos 38. Depois de dividida no meio-campo, ele caiu e desmaiou no gramado. Foi preciso a entrada da ambulância e do atendimento médico para que o jogador voltasse ao normal.

Antes de o juiz apitar o fim do 1° tempo, Ewerton marcou após Vinicius escorar cruzamento de cabeça para o meio da área, mas a arbitragem anulou, de forma errada, alegando falta de Vinicius.

 Mais erros da arbitragem

As duas equipes voltaram do jeito que começaram a partida e o Araxá permaneceu no ataque. Aos 9, Vinicius passou por dois marcadores em jogada individual, bateu de esquerda cruzado e a bola passou raspando a trave do Funorte.

O Formigão, que mal tinha chegado ao gol de Paulo César, conseguiu empatar em um erro da arbitragem. Aos 13, Wellington Dias cobrou falta com efeito e Paulo César se esforçou para não deixar a bola entrar. Já desequilibrado, recebeu falta e a bola acabou entrando. O auxiliar Mauro Antônio Ferreira dos Santos disse que o lance foi legal e correu para o meio.

Convictos de que o lance foi ilegal, todos os jogadores do Araxá e membros da comissão técnica correram para cima do bandeira e a partida ficou paralisada por oito minutos.

Mesmo com um gol mal anulado e ilegal validado pela arbitragem, o Araxá não se abateu e chegou ao segundo gol. Aos 30, Vinicius pegou a sobra da zaga após lançamento da direita e bateu sem chances para Everaldo.

O Funorte não desistiu e buscou o empate em um apagão da zaga alvinegra. Depois de cobrança de lateral para o meio da área, a defensiva do Ganso não conseguiu cortar por três vezes e a bola sobrou limpinha para Stanley empatar. O jogo foi até aos 55 e o Funorte ainda teve Pikachu expulso. Fim de papo, 2 a 2.

Ficha técnica

Araxá: Paulo César, Max, Rafael, Derlan e Rafael Lemos; Cafu, Patrick, Ewerton (Víctor) e Rogério Sá (Ferreira); Ratinho (Josimar) e Vinicius.
Treinador: Érick Moura.

Funorte: Everaldo, Fabricinho, Alex, Eddiê e Stanley; Marcelinho, Indinho, Andrezinho (Pikachu) e Wellington Dias (Miron); Tiago Pitbull e Berg (Ditinho).
Treinador: José Maria Pena.

Árbitro: Carlos Inácio Vítor
Auxiliares: Mauro Antônio Ferreira dos Santos e Naiderson Cristiano Izalino.

Cartões amarelos: Rafael e Rafael Lemos (Araxá); Stanley e Indinho (Funorte).
Cartão vermelho: Pikachu.

Gol no 1º tempo: Vinicius, aos 30 minutos.
Gols no 2º tempo: Wellington Dias, aos 13; Vinicius, aos 30; e Stanley, aos 41.

Notícias relacionadas