Assassino de sargento do Corpo de Bombeiros é condenados a 15 anos de prisão

Assassino de sargento do Corpo de Bombeiros é condenados a 15 anos de prisão
Foto: Willian Tardelli / Diário de Araxá

A última semana do Tribunal do Júri de 2015 terminou na sexta-feira, dia 13, com o julgamento do homem acusado de matar a tiros no dia 11 de junho de 2012 o sargento Gislei Oliveira Reis, de 38 anos, do Corpo de Bombeiros. Jusmar Júnio Martins, de 25 anos, foi condenado a 15 anos de prisão em regime fechado por homicídio triplamente qualificado pelo motivo torpe, meio cruel e recurso que dificultou a defesa da vítima.

Jusmar era amante da esposa do sargento Gislei. Kelly de Lima Alves Soares, de 31 anos, é acusada de ser a mandante do crime e está presa, mas ainda não foi julgada porque apresentou recurso especial ao Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG). Ela deve ser julgada pela morte do marido em 2016. Todos os réus julgados na última semana do Tribunal do Júri de 2015 foram condenados a prisão em regime fechado.

Fonte: Blog do Germano Afonso

Notícias relacionadas

Deixe um comentário: