Cemig registra 760 mil cadastros para Tarifa Social de Energia Elétrica

Cemig registra 760 mil cadastros para Tarifa Social de Energia Elétrica

Levantamento da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) aponta que cerca de 760 mil famílias já realizaram o cadastramento para obter o desconto da Tarifa Social de Energia Elétrica. A empresa estima que aproximadamente 1,3 milhão de residências podem ser beneficiadas. Os consumidores que ainda não possuem o benefício devem ficar atentos aos critérios e entrar em contato com a Cemig.

Para receber o desconto, o consumidor deve possuir renda per capita de até meio salário mínimo. Além disso, precisa estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do governo federal e ter o Número de Identificação Social (NIS) ou possuir Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social (BPC). Quem não está inscrito nos programas sociais do governo federal deve procurar a prefeitura do seu município e verificar como se cadastrar.

É importante ressaltar que o recadastramento para aqueles que já estão inscritos no Cadastro Único pode ser feito a qualquer momento. Basta o beneficiado procurar uma Agencia de Atendimento ou posto da Cemig portando o cartão NIS ou BPC, a Carteira de Identidade e o CPF. A atualização pode ser feita também através do número 0800 721 7003, disponibilizado exclusivamente para atender a esse tipo de demanda. Caso a família tenha perdido o prazo estipulado pela Aneel e deixado de receber o desconto, esse novo cadastro fará com que a Tarifa seja retomada no mês seguinte.

Descontos

A nova legislação prevê que indígenas e quilombolas terão desconto de 100% no consumo até 50 kWh/mês. O benefício é concedido apenas para o cliente residencial, ocorrendo de maneira escalonada, e não há desconto para a faixa de consumo acima de 220 kWh/mês.

Notícias relacionadas