Codemig deve iniciar negociações de imóveis do Barreiro na próxima semana

Codemig deve iniciar negociações de imóveis do Barreiro na próxima semana

A Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig) se reuniu durante esta semana com o Poder Judiciário e Ministério Público para acertar detalhes sobre as negociações dos imóveis do Barreiro.

As avaliações foram feitas na segunda quinzena de abril passado e os diversos problemas vividos atualmente pelos moradores, alguns como água contaminada por bário e falta de rede de esgoto, estão perto de acabar.

As negociações individualizadas já devem começar na próxima semana. “Serão feitas o mais rápido possível”, garante o vice-presidente da Codemig, Carlaile Pedrosa.

O presidente da Associação dos Moradores do Barreiro, Gilson Baltazar dos Santos, diz que a grande maioria dos 156 moradores (94%) deseja deixar o local. “Os que não querem sair terão que brigar na Justiça com a Codemig para continuar morando no Barreiro e isto é um assunto isolado”, afirma.

Segundo ele, os valores a serem pagos pela Codemig serão satisfatórios para todos.

“Os moradores apresentaram as suas propostas e no meu caso a Codemig ofereceu um valor com R$ 5 mil a mais do que eu propus. Todos poderão construir as suas casas na cidade e a prefeitura garantiu que vai nos ajudar nesse processo”, afirma o presidente

“Todos vão ficar satisfeitos porque sabem que os imóveis do Barreiro não são da gente. A área foi cedida aos nossos pais que trabalharam no Grande Hotel desde a sua inauguração, só adquirimos o direito de posse. Esperamos que já na semana que vem essas negociações comecem. Estamos muito felizes e perto do final feliz de uma longa novela”, acrescenta.

O Plano Diretor Estratégico do Barreiro prevê no local a implantação de uma infraestrutura voltada para o turismo.

“Araxá está avançando através do entendimento da Codemig com os moradores e nos sentimos realizados porque as negociações serão feitas de uma maneira definitiva”, destaca o prefeito Jeová Moreira da Costa, que se reuniu por diversas vezes com a diretoria da Codemig, em Belo Horizonte, desde o início de seu mandato em busca de soluções aos moradores.

“Temos a obrigação de ser parceiro e estar junto ao lado de tudo aquilo que venha a trazer progresso para a nossa cidade. O nosso governo vai ajudar os moradores no que for preciso para finalizar esta etapa, dentro de um projeto arrojado e audacioso para o Barreiro.”

Notícias relacionadas