Colégio São Domingos comemora 80 anos

Colégio São Domingos comemora 80 anos

Tancredo Borges Guimarães

A mostra comemorativa dos 80 anos do Colégio São Domingos (CSD) está sendo realizada no Centro de Cultura, aberta à visitação pública em horário comercial, até o próximo sábado (4). A exposição é elaborada com montagem e decoração especiais, compostas de vasos de plantas, flores, móveis decorativos, mesas, suportes, painéis de tecidos e outros adereços e ornamentos, assinada pela equipe da empresa Formatto.

A exposição reúne inúmeras peças do acervo do próprio colégio e de coleções particulares. Ela está disponibilizada em setores temáticos, como “Do Sagrado”, “Das Alegrias”, “Das Saudades”, “CSD em minha vida” e outros.

Destaques também para os dois grandes painéis com lindas fotografias ampliadas, realizadas pelos próprios alunos; painel montado com imagens recortadas, colagens; belo painel realizado na técnica do Grafitti; três imagens sacras, esculturas em gesso antigas de São Domingos, Maria e Menino Jesus; uma escultura de Jesus, uma tela com imagem de São Domingos, uma tela com imagem de Marie Anastasie – fundadora da Congregação Nossa Senhora do Santíssimo Rosário de Monteils, dedicada ao ensino e ao cuidado com os enfermos, material de apoio às aulas de educação física, como malabares de madeira e banco; banco escolar antigo; máquina de escrever, datilográfica; projetor de slides; rádio toca-fitas; aparelho de som para aulas de inglês; gravadores antigos, muitos discos antigos.

Os visitantes também podem conferir o painel fotográfico com fotos de alunos, pais, professores, diretores e demais, em eventos esportivos, culturais, religiosos, festas e outros; álbuns fotográficos; porta – retratos; vaso de prata; castiçais de bronze; tinteiro; porta hóstia; mini-livros, bíblia, livros (produção literária feitas pelos alunos ao longo dos anos); livros do acervo da biblioteca do colégio; missal; cruz de honra ao mérito de boas notas e disciplina; caixa – baú de latão – metal e com pintura decorativa; terços votivos, bem acondicionadas em redomas de vidro; grande painel com reproduções das colagens e as próprias colagens feitas pelos alunos; troféus e placas de competições esportivas; livros de registros de pesquisas; material educativo do método Montessoriano; uniforme feminino da década de 1940, e o primeiro uniforme feminino de 1928, boinas e meia; utensílios (jarra e bacia) de higiene pessoal.

Além disso, há apresentação de slides em grande telão através de projetor – datashow, e som ambiente. A equipe responsável pela organização, curadoria e atendimento ao público conta com a psicopedagoga Carla Maria Senna Oliveira, com a bibliotecária Ana Maria Zago, com a coordenadora pedagógica Moema Aguiar, e com a auxiliar de biblioteca Luciene Abadia de Oliveira.

Este é um belo exemplo de valorização dos acervos, do patrimônio material e imaterial, dos registros das documentações, de preocupação em valorizar nossas histórias, nossa cultura, nossas memórias, nossos costumes e tradições. Parabéns pela iniciativa!

Tancredo Borges Guimarães é artista plástico, arte-educador, poeta, supervisor do Museu da Imagem e do Som de Araxá e presidente da Associação dos Artistas Plásticos e Visuais de Araxá e Região (Arartes)

Notícias relacionadas