Coleta seletiva pode ser estendida a municípios da Ampla

Coleta seletiva pode ser estendida a municípios da Ampla

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Parcerias apresentou o esboço de um projeto de abrangência microrregional, nesta semana, envolvendo a Associação Mineira de Municípios (AMM), Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas em Minas Gerais (Sebrae-MG), entre outras, e que vem de encontro às ações da coleta seletiva já iniciada pelo Instituto de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável de Araxá (IPDSA).

A idéia básica que fundamenta a ação do projeto pode ser entendida como um processo de estímulo à conscientização intermunicipal em relação à coleta de materiais recicláveis pela população com qualidade, através de intercâmbio entre as cidades da Associação dos Municípios da Microrregião do Planalto de Araxá (Ampla).

A equipe que trabalha com o projeto deverá agendar com o prefeito e presidente da Ampla, Jeová Moreira da Costa, num prazo máximo de 30 dias para propor parceria em forma de consórcio com os demais municípios, pois alguns deles não produzem lixo suficiente para a reciclagem.

É necessário a existência desse consórcio para a coleta adequada desse material. Com um melhor destino, pode ser transformado em várias fontes de renda.
 
Segundo os coordenadores da coleta, o projeto que não tem repercussão como obra física, mas é de grande alcance social, já que reflete na melhoria do índice de desenvolvimento humano.

Entre vários outros assuntos relacionados à operacionalização do projeto que visa principalmente a preservação do meio ambiente e a conservação do lençol freático da microrregião compreendida entre os seus municípios.

Notícias relacionadas