Super banner

Débora de Melo e Emiliano Fernandes se unem em matrimônio

Débora de Melo e Emiliano Fernandes se unem em matrimônio

[email protected]

Emocionante

A bela advogada Débora de Melo Vale e Emiliano Fernandes Bernardes se uniram em uma cerimônia civil repleta de muita emoção. A noiva estava ainda mais linda com um belíssimo vestido da Tutuce de Sacramento e a produção de John Romualdo.

Os jovens se uniram no salão do Evas Buffet. A noiva é filha de Miriam Angélica de Melo Vale e João Alberto Vale e o noivo é filho de Marli Fernandes Bernardes e de Cleber Ferreira que estará sempre na memória e nos corações de todos os familiares.

Para curtirem o inicio de vida a dois, eles seguiram para o litoral norte paulista, Maresias e Ilha Bela, e no litoral sul do Rio de Janeiro na cidade histórica de Paraty. A equipe da Oficina da Imagem registrou os belos momentos do casamento.

Felicidades.

Anjo

Deliciosa, linda, fofa enfim, uma doçura a pequena Isabella Borges Moura. Essa belezinha é filha da advogada Juliana de Pádua Borges e do médico veterinário Ronaldo Moura.

Ela é o motivo de dedicação, amor e carinho dos papais corujas.

Isabela, saúde, disposição muitas brincadeiras que o Papai do Céu de te guarde na palma da mão.

As belas fotos são da Studio S.

Pé direito

Quem está feliz da vida nesse início de 2011 é a linda Priscilla Costa Araújo, que foi aprovada para o curso de Farmácia pela Universidade Pitágoras e Unitri em Uberlândia. Agora resta a bela moça escolher em qual instituição entrar para aprender tão importante profissão.

Felizes também estão os papais corujas claro, Maria Cristina Costa Araújo e José Rodrigues Araújo e não poderia faltar essa titia babona que vos escreve… (risos).

Lindeza, sucesso, sucesso, sucesso e muita dedicação.

Família Guimarães em festa

A tarde de quinta-feira (27) foi de muita festa e animação na belíssima residência da família Guimarães no condomínio Riviera da Lago, onde o empresário Antônio Guimarães e a bela Cíntia Urbano receberam muitos amigos para a comemoração do aniversário de três anos dos gêmeos Antônio e Mariana.

As brincadeiras para os muitos amiguinhos que compareceram foram organizadas pela Patty festas que cuidou não só da recreação, mas de toda a decoração dos Backardigans.

O delicioso buffet que agradou à todos os convidados foi assinado pelo expert Chico, docinhos de Maria Tereza e bolo da renomada Adélia.

Esse momento descontraído e muito agradável foi organizado pela mamãe dos aniversariantes.

Mariana e Antônio, felicidades, saúde e que Deus abençoe sempre.

Sugerindo…

Sumidíssima né? Eu sei, mas já viram né? Final de ano, festas, viagens e o maior detalhe de todos… Férias escolares. Quem é mãe sabe, não se produz nada, não se faz nada. No meu caso em especial, com uma linda princesa de três anos em casa, o que me restou foi virar a “Bruxa malvada” da “Banca de Neve”…

Mas nesse meio tempo entre uma cena e outra do clássico de Walt Disney, percebi uma febre de tiaras na cabeça da mulherada. Pensei… Já vi essa tiara, deixa eu pensar, seria em algum filme grego?

Certamente já às vi nestas fantásticas produções, mas minha memória me remetia a tempo mais recente. Já sei, no verão passado elas vieram bem discretinhas, mas vieram e não é que elas agora são febre, mania, infestação e vamos combinar, são lindas.

Ah, um detalhe importantíssimo, não são meramente tiaras, são HEADBAND (chique demais), vocês sabem o que é um Headband?

O headband surgiu na Grécia, sabe as coroas de folhas?As próprias! Na época elas eram usadas para nomear alguém importante ou em ocasiões especiais.

Ela existiu também em Roma, lá eles eram mais exibidos e provavelmente tinham mais money, pois eles decoravam com ouro e prata, básico né. Já nas décadas de 60 e 70, o headband foi super usado pelos hippies, tanto homens, quanto mulheres, e algumas décadas depois, elas ressurgem! E o interessante é que elas podem sair de casa com você, tanto durante o dia quanto à noite, na balada fica o máximo!

Claro né amiga, cada horário um modelo diferente, para o dia escolha um modelo de couro, palha, fitas coloridas mais discreto, porém sem perder o glamour, agora, para a noite tudo vale, pedras, brilho, metal.

O mais importante, elas podem ser usadas em qualquer tipo ou tamanho de cabelos… Gostaram né? Eu também!

Escolhi alguns modelos na maravilhosa internet, vejam e se inspirem…
 
Super beijo e agora a “Bruxa Malvada” voltará a dar mais atenção à vocês… (risos).

Em Londres

Todos os docentes da Cultura Inglesa passam por uma reciclagem contínua de seus conhecimentos técnicos e didáticos. Três professoras da Cultura Inglesa de Araxá fizeram curso na Inglaterra, em janeiro de 2011.

A International House London formatou um curso especialmente para professores de diversas Culturas Inglesas do Brasil. É o “Bringing British Culture to the Classroom” que aconteceu na primeira quinzena de janeiro. Dos 19 participantes, três eram da Cultura Inglesa de Araxá: Elisabeth Rodrigues Bonfim, Patrícia Ananias Ribeiro Honorato e Seleida Maria de Paiva.

A International House London é uma fundação educacional dedicada a promover a compreensão internacional por meio do ensino de idiomas e da capacitação de indivíduos, empresas, governos e universidades no mundo inteiro. É sinônimo de programas de ponta no ensino de idiomas e na formação de professores.  Acolhe cerca de sete mil alunos de mais de 150 países por ano.  A IH London proporciona um ambiente verdadeiramente vibrante que oferece oportunidade de conhecer a cultura britânica.

A IH London mantém um sistema de aprendizado internacional único, situado no coração de uma das cidades mais vibrantes do mundo, localizado no Covent Garden – bairro dos teatros londrinos há mais de 400 anos. Suas ruas de paralelepípedos e a praça principal abrigam a Royal Opera House, lojas, bares e restaurantes internacionais, além de teatro de rua. Este local cultural, gastronômico e de entretenimento proporciona aos alunos oportunidades ideais para aprender inglês fora da sala de aula.

Patrícia Ribeiro ressaltou que o curso permitiu compreender melhor como é a vida na Inglaterra. “Pudemos vivenciar muitos pontos que são importantes para os ingleses. Um exemplo é a importância da família real para o cidadão comum”,  ressaltou.

Para Elisabeth Bonfim, o curso abriu uma nova perspectiva sobre a cultura britânica. “Depois de viver muitas situações típicas, passei a entender melhor o sentido de muitas expressões utilizadas. O programa cultural incluiu não só museus, mas também galerias e uma casa de chá verdadeiramente inglesa. Assistimos ainda ao musical Billy Elliot, recém-lançado em Londres.”

O conteúdo assinado não reflete, necessariamente, a opinião do Diário de Araxá.

Notícias relacionadas