Deputado Bosco convida para ato em defesa das usinas da Cemig

Deputado Bosco convida para ato em defesa das usinas da Cemig

Na sequência das mobilizações que a Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) tem feito em defesa da Cemig, a Comissão de Minas e Energia visita a Usina Hidrelétrica de Jaguara, em Sacramento. O evento foi solicitado pelos deputados Bosco (PTdoB) e Rogério Correia (PT) e será realizado na próxima sexta (15), às 14 horas.

Localizada na zona rural do município (rodovia MG 428, km 102), a usina será palco de um ato da Frente Mineira de Defesa da Cemig, contrária ao leilão das usinas controladas pela empresa.

O deputado Bosco (PTdoB) disse que está buscando mobilizar lideranças políticas em defesa da Cemig. “Estamos convocando prefeitos, vereadores e lideranças sindicais do Alto Paranaíba para comparecerem ao evento na sexta, para que, juntos, mostremos que somos contra o leilão dessas usinas. Nessas visitas pelo interior, temos falado da importância da Cemig para Minas Gerais. Não ficaremos de braços cruzados até que o governo federal desista desta ideia. A Cemig é um patrimônio dos mineiros e nós lutaremos para que ela continue sendo nossa”, frisa.

A possibilidade de o governo federal leiloar a hidrelétrica de Jaguara, bem como as usinas de São Simão, Miranda e Volta Grande, tem mobilizado a ALMG, sindicatos, entidades e movimentos sociais. Juntos, esses setores lançaram no dia 24 de julho, no Legislativo mineiro, a Frente Mineira de Defesa da Cemig.

Desde então, a Assembleia vem promovendo várias ações buscando sensibilizar a população quanto às consequências dessas privatizações para Minas Gerais. As quatro usinas em conjunto respondem por cerca de 50% da energia gerada pela Cemig. Já houve atos contra a privatização nos municípios de Santa Vitória e Indianópolis, no Triângulo Mineiro, onde ficam as hidrelétricas de São Simão e Miranda, respectivamente.

Serviço

Local: Usina Hidrelétrica de Jaguara Rodovia MG 428 – km 102 – Zona Rural Sacramento/MG

Dia: 15/09 às 14h

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *