Doença como Linguagem Corporal é tema de palestra no Senac Araxá

Doença como Linguagem Corporal é tema de palestra no Senac Araxá

Os alunos dos cursos técnicos de Farmácia e Segurança do Trabalho participaram da palestra Doença como Linguagem Corporal, ministrada na segunda quinzena de maio, no Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) em Araxá, pelo médico cardiologista, com formação em Psicanálise, Alonso Garcia de Rezende.

Em função da Semana de Luta Antimanicomial, o palestrante, que exerce também o cargo de diretor técnico do Hospital Casa do Caminho, abordou questões sobre a relação entre diferentes doenças e o sofrimento psíquico. Ele também fez menção às formas de prevenção, chamando a atenção dos estudantes.

Entre as participantes, estava a aluna de técnico em Farmácia, Ana Paula Ferreira. Segundo ela, os ensinamentos sobre os mecanismos de carga e descarga da energia psíquica foram fundamentais, uma vez que o palestrante frisou quais as estratégias para manter este ciclo de energia equilibrado evitando as doenças.

Já para o futuro técnico em Segurança do Trabalho, Leonardo da Silva, o mais importante foi a ideia de que é necessário aprender a equilibrar a vida emocional com carinho e respeito. “Amar e ser feliz. Esse é o segredo”, frisou.

Para a supervisora pedagógica do Senac Araxá, Desiree Camargo Viana, esse tipo de atividade é importante para o desenvolvimento de competências. “As habilidades expostas reforçam os valores pessoais necessários ao efetivo exercício profissional.”

Notícias relacionadas