Duas pessoas são liberadas e vereadores permanecem presos

Duas pessoas são liberadas e vereadores permanecem presos

O presidente da Câmara Municipal de Araxá, Miguel Júnior (PMDB) e os vereadores Amilton Marcos Moreira (PT do B) e José Gaspar Ferreira de Castro – Pezão – (PMDB) continuam presos para sequência da Operação Oxigênio. De acordo com o delegado regional, Cézar Felipe Colombari, eles vão cumprir os cinco dias da prisão temporária concedida pelo juiz da Vara Criminal de Araxá, Renato Zupo. Além disso, uma prorrogação do prazo não está descartada.

O ex-prefeito e provedor da Santa Casa, Kleber Valeriano, e o tesoureiro, Antônio Nogueira, tiveram o alvará de soltura concedido pelo delegado responsável pelo caso Cristiano Dib.

De acordo com os advogados de defesa do provedor da Santa Casa, Kleber Valeriano e Antônio Nogueira foram citados na investigação por assinarem cheques envolvidos no caso de desvio de R$ 262 mil de um repasse de  R$ 1,2 milhão feito pelo Executivo  em junho passado.

Após os interrogatórios, Miguel Júnior e Pezão retornaram ao Presídio Regional de Araxá. O vereador Sargento Amilton, policial aposentado, foi novamente conduzido para o 37º Batalhão da Polícia Militar onde permanecerá preso.

Notícias relacionadas