Edna Castro aceita cargo no governo de Minas

Edna Castro aceita cargo no governo de Minas

Da Redação/Jorge Mourão – 04.03.2011 – A vereadora Edna Castro (PSDB) vai assumir um departamento da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese) voltado a políticas públicas para a criança e o adolescente. Ela aceitou o convite pelo governador Antonio Anastasia, feito por telefone a tarde desta quinta-feira (4).

Em entrevista ao Diário de Araxá, ela diz que só falta o acerto de detalhes com o secretário Wander Borges para saber qual departamento assumirá, além de sua ida definitiva para Belo Horizonte. “Fico muito feliz com o convite do governador Anastasia e fico bastante agradecida. É uma referência importante partindo dele de não esquecer uma vereadora que participou da campanha, que acompanha a carreira dele há muito tempo. É muito gratificante”, diz.

“O convite já foi feito, o secretário vai entrar em contato comigo para a gente discutir essa ida. Vamos aguardar a conversa, estou pronta, vou embora, vamos ajudar, quero realmente que a administração (do governador) brilhe e quero fazer parte dela, mas ainda depende muito dessa conversa que vamos ter com o secretário para ver qual a área de atuação, até onde posso ir”, acrescenta a vereadora.

Apesar de Anastasia ser muito questionado pela imprensa local quanto à representatividade de Araxá na administração estadual, Edna Castro afirma que sempre esteve confiante de que o convite sairia rápido.

“Pela primeira vez, creio, um governador faz tanta referências a Araxá. Eu sei que ele gosta da cidade, gosta do povo, se sente bem aqui. E me falou que queria pessoas de Araxá fazendo parte da administração, não foi nada de promessa de campanha porque não foi uma troca, mas cumpriu”, destaca.

“Sei que foi por merecimento, sem nenhuma demagogia. A gente tem se empenhado, tem demonstrado que as pessoas podem contar com a gente, que a cidade pode contar com a gente, que estamos dispostos a vestir a camisa da cidade”, ressalta.

Em relação a Araxá e ao Estado, a vereadora afirma que vai se empenhar em ações públicas para quem realmente precisa.

“Temos questões de crimanalidade, exploração infantil, abandono, a Casar Lar, a Casa de Passagem e o Cerad. Ontem mesmo fiquei fantasiando o que a gente pode fazer. O Cerad (abriga adolescentes apreendidos) mesmo necessita um atendimento certo, correto, para que os adolescentes possam sair de lá ressocializados. O importante é a gente ter autonomia, poder desenvolver projetos, dar respostas, estar compartilhando não só do sofrimento mas da alegria das pessoas que comandam esse tipo de trabalho. É isso que a gente pensa que pode acontecer”, diz.

Além de quatro mandatos como vereadora, Edna Castro já foi secretária municipal de Desenvolvimento Humano, além de presidir atualmente a Associação de Proteção e Assitência aos Condenados (Apac) e a Casa do Bom Samaritano, que desenvolve ações para portadores do HIV.

Vaga

Ainda não se sabe quem assumirá a vaga de Edna Castro na Câmara Municipal de Araxá. Se for seguido o critério utilizado pela Câmara Federal e Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), o médico Weliton Cardoso, do Democratas, assume por ser o primeiro suplente da coligação Araxá Agora (PSDB e DEM).

Caso contrário, se a vaga ficar com o partido de Edna Castro, o PSDB, o ex-vereador Jairo Sávio Borges assume a cadeira.

Notícias relacionadas