Empate dá título ao GEF

Empate dá título ao GEF

Da Redação/Raphael Rios – Vice-campeão em 2009, o GEF voltou a levantar a taça do Campeonato Amador ao empatar com o Olympique em 1 a 1, na manhã de hoje (5) no Fausto Alvim. Na primeira partida da final, o Alviverde venceu por 2 a 1 e podia perde por até um gol no jogo decisivo, que mesmo assim, ficaria com o caneco. A equipe teve a melhor campanha do campeonato e perdeu apenas uma partida, coroando o ano com os títulos da Taça Cidade e do Amador, promovidos pela Liga Araxaense de Desportos.

Poucas chances

O time de Tapira sabia que a missão era difícil, mas não impossível. Desde o início do jogo explorou o que sabe fazer de melhor que são as jogadas aéreas. Aos 15 minutos, após bola alçada na área por Cafu, quase saiu o primeiro gol da partida.

Jogando valorizando o resultado, o GEF soube tocar a bola apostou nos contra-ataques com Malaia e Alex Rodrigues. E foi com Malaia, que quase saiu um golaço. Ele recebeu pela ponta esquerda, encarou a marcação e passou bonito pelo zagueiro depois de um elástico esbanjando categoria. De frente para o gol, poderia até ter rolado para o meio, mas tentou fazer um gol de placa e o goleiro Jhony fez a defesa.

O Olympique seguiu tentando os chuveirinhos na área, e mesmo em faltas de longe, subia todo mundo pra área para tentar desviar de cabeça para o gol de Robert.

Esperança dura pouco

Vindo para o tudo ou nada, o treinador Guti colocou o time todo ao ataque e fez alterações ofensivas. Como não podia ser diferente, a equipe chegou ao gol numa jogada de bola aérea.

Aos 21 minutos, Clesinho cobrou falta na medida para Fábio Tapira subir mais alto que todo mundo e abrir o placar. Com 1 a 0, o GEF se assustou em campo e era nítido como os jogadores estavam tensos.

Em busca do segundo gol, o necessário para que o título fosse para Tapira, o Olympique se abriu muito e foi ai que brilhou a estrela de Malaia. Autor de dois na primeira partida da final, ele deu uma de garçom. Em mais uma jogada dando elástico, Malaia acertou bem o drible, deu uma caneta desconcertante em Luciano e só rolou para Lucas Ribite, com o gol livre, empatar, aos 29 minutos.

Como o Olympique teria que marcar mais dois gols faltando pouco mais de 15 minutos, foi só o GEF se segurar e ficar com a taça do Campeonato Amador de 2010 e tirar o grito de “O Campeão Voltou” da torcida.

Mesmo com a derrota, o Olympique mostrou que subiu pra ficar, tem organização e vai continuar brigando por títulos em Araxá.

Ficha técnica

Olympique: Jhony, Ariterlan, Joãozinho, Luciano (Ricleber), Wilton Sargento e Alex (Fabrício); Cafu, Barroso e Clesinho; William (Gabriel) e Fábio Tapira.
Treinador: Guti.

GEF: Robert, Jean Carlos (Fred), Dudu, Emerson e Túlio (Jean Dener); Timinho, Marcos Jr., Rafael Bundinha e Lucas Ribite; Alex Rodrigues (Roberto) e Malaia (Ostinho).
Treinador: Caixeta.

Árbitro: João Mariano (Bozó)

Auxiliares: Baltazar Júnior e Eliete Flávia.

Gols: Fábio Tapira, aos 21 minutos e Malaia, aos 29 minutos do 2º tempo.

Cartões Amarelos: Dudu, Jean Dener e Túlio (GEF); Luciano, Ariterlan e Cafu (Olympique).

Troféus

 

Campeão – GEF

Vice-campeão – Olympique

Goleiro Menos Vazado – Robert (GEF)

Troféu Disciplina – Olympique

Artilheiro – Arthur (Vila Nova), como está lesionado o pai Celinho recebeu o troféu

Baixe os wallpapers do campeão

Galeria

 

Notícias relacionadas