Entidades filantrópicas de ensino deixam de receber recursos do Fundeb

Entidades filantrópicas de ensino deixam de receber recursos do Fundeb

Prefeito reunido com as representantes das entidades

Da Redação – Diretoras de instituições filantrópicas de ensino debateram com o prefeito Jeová Moreira da Costa uma alteração o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). A partir de 2012, as instituições receberão repasse do governo federal para trabalhar somente com crianças de 0 a 3 anos e o aprendizado de crianças de 4 e 5 anos ficará a cargo da prefeitura.

Com isso, a diretora do Instituto Educacional Gabriela Mistral, Solange da Mata, acredita que a qualidade de ensino pode diminuir, uma vez que está sendo interrompido um ciclo em uma determinada instituição.

Solange acredita que as mudanças não podem ser de uma hora para outra, devem acontecer com mais calma. Para ela, essa mudança repentina causa ansiedade para as escolas e familiares.

O prefeito Jeová afirma que a partir do próximo ano os valores que vem do Fundeb serão depositados na conta da prefeitura. “O município não pode deixar de arrecadar da União o valor de R$ 1,8 milhão anualmente. Temos duas metas, uma é manter o repasse para as entidades e a segunda meta é manter o mesmo número de alunos matriculados em 2011”, afirma.

Jeová afirma que é um desafio manter as metas mencionadas. Ele destaca que com a alteração, o município deve gerir a educação de crianças de 4 e 5 anos. “Isso é um desafio para o gestor municipal, para a comunidade e entendo que é possível a gente conciliar esse repasse que vem para a prefeitura e ao mesmo tempo trabalhar com um contrato de prestação de serviço com essas instituições.”

Notícias relacionadas