Exame obrigatório para obtenção do diploma será realizado em novembro

Exame obrigatório para obtenção do diploma será realizado em novembro

O Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) deste ano avaliará estudantes de 26 cursos tecnológicos e de bacharelado. Marcado para o dia 22 de novembro, às 13h, no horário de Brasília, o exame avalia o rendimento dos estudantes ingressantes e concluintes dos cursos de graduação e é obrigatório para obtenção do diploma.

As regras do Enade 2015 estão publicadas na edição de hoje (9) do Diário Oficial da União. As instituições de ensino serão responsáveis pelas inscrições dos estudantes. Até o dia 15 de junho, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) disponibilizará no site as instruções para as inscrições.

Nesta edição, farão a prova os estudantes dos cursos de graduação de administração, administração pública, ciências contábeis, ciências econômicas, jornalismo, publicidade e propaganda, design, direito, psicologia, relações internacionais, secretariado executivo, teologia e turismo.

Os cursos tecnológicos avaliados serão os de comércio exterior, design de interiores, design de moda, design gráfico, gastronomia, gestão comercial, gestão de qualidade, gestão de recursos humanos, gestão financeira, gestão pública, logística, marketing e processos gerenciais.

Devem fazer as provas os estudantes que tenham iniciado o curso este ano e tenham até 25% da carga horária mínima do currículo cumprida até 31 de agosto; os concluintes dos cursos de bacharelado que tenham expectativa de conclusão até julho de 2016 ou tenham cumprido até 80% da carga horária mínima até 31 de agosto deste ano; os concluintes dos cursos superiores de tecnologia que tenham expectativa de conclusão até dezembro ou tenham cumprido 75% da carga horária mínima até 31 de agosto de 2015.

Anualmente, o Ministério da Educação define as áreas de conhecimento a serem avaliadas. A periodicidade máxima de aplicação do Enade em cada área é de três anos.

Notícias relacionadas