Funcionários e alunos da rede pública com sintomas da gripe são afastados

Funcionários e alunos da rede pública com sintomas da gripe são afastados

Atendendo orientação do Comitê Estadual de Enfrentamento de Influenza A (H1N1) – gripe suína -, funcionários e alunos que apresentarem sintomas de qualquer tipo de gripe estão sendo afastados das atividades escolares por determinação da Secretaria Municipal de Educação.

O repouso deve ser feito por até 12 dias por alunos e os servidores em até sete dias. Durante o período de adiamento das aulas (do dia 3 para o dia 10) uma série de ações preventivas foi desenvolvida para os servidores da rede, como uma campanha promovida pela Vigilância à Saúde que proferiu 49 palestras, abrangendo 1.330 funcionários.

Além disso, todas as escolas planejaram ações interdisciplinares de conscientização e prevenção à Influenza A. “Há uma precaução e o receio tem que acontecer para que o cuidado venha junto. À medida que se percebe a seriedade da situação todo mundo tem que tomar os cuidados necessários e assim as medidas preventivas serão mais eficazes”, destaca a secretária Giovana Maria de Paula Mesquita Guimarães.

“Convocar os alunos e os pais para ter atenção sobre uma situação que acontece mundialmente, como é o caso da gripe suína, nós tomamos os cuidados de momento e também ajuda a prevenir outras doenças mais comuns”, acrescenta.

Sem prejuízo
  
A secretária ressalta que todas as medidas preventivas serão reforçadas nas unidades de ensino no começo de cada ano letivo. Ela diz que os alunos afastados terão reposição das atividades.

“Nenhum conteúdo será perdido. Hoje, já não se faz exame para detectar qual gripe aqueles sintomas representam. Então, a criança que apresentar qualquer tipo de sintoma relacionado à gripe será encaminhada ao médico e, se comprovada, será afastada das atividades escolares. É bom ressaltar que não tivemos um número significativo de crianças e funcionários afastados, mas vamos acompanhar e afastar aqueles casos que forem preciso”, explica a secretária.

Mais ações
  
Giovana afirma que mais ações pedagógicas de conscientização e orientação serão desenvolvidas ao longo do semestre. “Desenvolvimento de teatros, peças lúdicas, práticas de higienização, cuidados com o meio ambiente – em especial, salas de aula – e orientações preventivas de combate à transmissão do vírus da gripe A para funcionários, pais e alunos.”

Cuidados básicos

Confira alguns cuidados básicos essenciais para se evitar a contaminação do vírus H1N1: lavar frequentemente as mãos com água e sabão; usar sempre que possível álcool em gel; utilizar lenços de papel ou papel toalha para tossir ou espirrar; não compartilhar utensílios (copo, talheres, pratos, toalhas de rosto); evitar contato com outras pessoas abraçar, beijar, etc.); manter ambientes limpos e arejados; evitar locais de grande aglomeração de pessoas.

Notícias relacionadas