Ganso vence Patrocinense e sobe para a vice-liderança

Ganso vence Patrocinense e sobe para a vice-liderança

Araxá 2 x 0 Patrocinense - Foto: Caio Aureliano 

Da Redação – Neste sábado (24), Araxá e Patrocinense estrearam pelo returno do Módulo II jogando no Estádio Municipal Fausto Alvim. Com gols de Daniel Morais e Hugo Alexandre, o Ganso venceu por 2 a 0 e subiu para a vice-liderança da chave A com 10 pontos, mesma pontuação da URT que bateu o Funorte por 1 a 0, mas o Alvinegro leva vantagem por ter um gol a mais no saldo. A Patrocinense caiu para quarto.

Ganso superior

O Araxá entrou determinado no campo do Fausto Alvim para vencer a Patrocinense. A partida tornou “decisiva” após o empate diante do time de Patrocínio e da vitória da URT para cima do Funorte de 5 a 2, que deixou o Ganso em quarto lugar na rodada passada.

Como em Patrocínio, o Ganso foi o dono das ações ofensivas no primeiro tempo e só não emplacou uma goleada por causa de muitas chances desperdiçadas. Na primeira investida do Alvinegro, Tiago Pereira, com liberdade dentro da área, cabeceou para fora. Aos 17 minutos, Osvaldir começou a levar perigos em seus cruzamentos. Nesse lance, a bola é cruzada para área, mas ninguém tocou. Na sequência, a jogada é finalizada por Wander, que chutou rasteiro para a defesa de Cristiano em dois tempos.

O atacante Daniel Morais também se apresentou bem pelo Alvinegro. Aos 20 minutos, ele arrancou da esquerda para o meio e rolou no Hugo Alexandre, que bateu forte. A bola se perdeu a linha de fundo, passando perto do travessão.

O Araxá foi premiado pelo seu domínio de jogo aos 37 minutos. Wander arrancou pela direita e fez o lançamento para Daniel Morais ganhar de Levi, e tocar de cabeça por cima de Cristiano, inaugurando o placar.

A Patrocinense só chegou aos 41 minutos. No vacilo dos donos da casa, Filhão, que jogou no Araxá em 2011, apareceu na cara do gol e tocou para a defesa de Fred.

Hugo Alexandre marca o segundo e Fred defende pênalti

O Araxá continuou criando muitas chances para ampliar vantagem, mas quem chegou primeiro foi a Patrocinense no segundo tempo. Filhão arriscou de fora da área e a bola passou por cima do gol. Mika também apostou no chute de longa distância que teve o mesmo desfecho do lance do Filhão.

Assim foi até 12 minutos quando o Ganso voltou a ser presente no ataque. Tiago Pereira observou Daniel Morais livre de marcação e tentou tocar de cabeça para a primeira trave. O goleiro Cristiano antecipou a jogada e fez grande defesa.

 No mesmo estilo, mas com jogadores diferentes, Osvaldir fez o cruzamento e Zé Maria cabeceou. Desta vez, foi a zaga que evitou o segundo gol Alvinegro salvando em cima da linha. Só que aos 26 minutos, o Araxá aumentou. Hugo Alexandre recebeu na meia direita desmarcado, e bateu cruzado para fazer o segundo.

A Patrocinense não desanimou e teve a chance de diminuir aos 44 minutos em pênalti de Felipe Nogueira que colocou a mão na bola dentro da área. O meia Cesinha bateu rasteiro e o goleiro Fred fez grande defesa no canto direito.

O torcedor que comemorou o pênalti perdido da Patrocinense como se fosse o gol, esperou o apito final de Émerson Almeida Ferreira para vibrar com mais uma vitória do Alvinegro no Módulo II. O resultado deixou o Ganso temporariamente na segunda colocação com 10 pontos, um a mais que a Patrocinense, terceira colocada da chave A.

Para a próxima partida diante da URT, em Patos de Minas, na próxima quarta (28), às 20h, o treinador Luiz Eduardo tem à disposição a volta do zagueiro Fred Milani, que cumpriu suspensão automática, e do meia Evandro, que foi expulso na partida de ida contra a Patrocinense.

Ficha técnica

Araxá: Fred, Osvaldir, André Alves, Felipe Nogueira e Fabiano; Cafu, Zé Maria, Wander (Marcelino) e Hugo Alexandre (Diego Peirão); Daniel Morais (Donizete) e Tiago Pereira. Treinador: Luiz Eduardo.

Patrocinense: Cristiano, Iran, Levi, Rodrigo Vítor e João Lucas; Mika, Jackson, Róbson Goiano e Cesinha; Vanvan e Filhão. Treinador: Sandro Gaúcho.

Arbitragem: Émerson de Almeida Ferreira, auxiliado por Celso Luiz da Silva e Flamarion Sócrates da Silva.

Cartões amarelos: Osvaldir, André Alves, Felipe Nogueira, Cafu, Zé Maria, Tiago Pereira e Diego Peirão (Araxá); Iran, Rodrigo Vítor, João Lucas, Mika, Jackson, Vanvan e Filhão.

Gol no primeiro tempo: Daniel Morais, aos 37 minutos.

Gol no segundo tempo: Hugo Alexandre, aos 26 minutos.

Público pagante: 1.290 pessoas.

Renda: R$ 8.958.

Classificação – Chave A

Notícias relacionadas