Super banner
Super banner

Garotada do Uberaba vence o Ganso de virada

Garotada do Uberaba vence o Ganso de virada

O Araxá sentiu a falta de Rafael Ipuã (lesionado) e André Nascimento (resfriado) e foi derrotado na tarde de hoje (4) pelo Uberaba, no Uberabão. O Colorado entrou em campo com cinco juniores, sendo a zaga toda formada por jogadores abaixo de 20 anos. Mesmo saindo na frente do marcador, o Ganso cedeu a virada e não teve forças para empatar o jogo. O resultado interrompeu a seqüência de três derrotas seguidas do Uberaba e recolocou a equipe na briga por uma vaga nas semifinais. Na próxima rodada o Alvinegro enfrenta o Uberlândia fora de casa; já o Zebu enfrenta o Villa Nova.

Classificação e resultados da Taça Minas Gerais

Ganso perdido em campo

Mal a partida iniciou e o Alvinegro já havia tomado dois sustos. Aos 2 minutos, o Uberaba chegou tocando a bola e Thiago Emílio, por pouco, não encontrou Buiú livre de marcação dentro na área. Logo aos 4, Thiago Emílio recebeu passe nas costas de Carlão, tirou Arlem da jogada e, no momento do chute, Carlão se recuperou e cortou para escanteio.

Sem Rafael Ipuã, Palhinha optou pelo inédito 3-5-2. Para o lugar do camisa 10, o treinador utilizou Dirceu, mas o time não assimilou bem a nova tática e se mostrou desorganizado em campo.

Mesmo mal na partida, foi o Araxá que abriu o placar. Aos 10, Cristiano fez boa jogada pela direita e encontrou Toda na entrada da área. Ele passou bem pelo defensor e chutou rasteiro no canto direito de Cleyton para fazer um bonito gol.

A partir daí só deu Uberaba. Aos 20 minutos, Éder chutou da entrada da área e Carlão cortou pela linha de fundo. Após a cobrança do escanteio, o árbitro Luiz Carlos Silva marcou pênalti de Dirceu em cima de Douglão. Balduíno precisou cobrar duas vezes para empatar a partida. Na primeira houve invasão de área e o árbitro mandou voltar. Na segunda o capitão do Uberaba cobrou rasteiro no canto direito de Arlem, deixando tudo igual, aos 24 minutos.

O Uberaba ainda teve chances de virar o placar, ainda no primeiro tempo. Aos 31, Salatiel completou cobrança de escanteio de cabeça e Arlem se esticou todo para evitar a virada. No lance seguinte, nova bola alçada na área do Ganso e Douglão cabeceou na trave.

Gol relâmpago

Palhinha desmanchou o esquema 3-5-2 nos vestiário e optou pela jovem revelação do Araxá, Arthur, para o lugar de Dirceu. Com um minuto de estréia, Arthur viu Buiú virar o marcador. Éder recebeu lançamento pela direita e chutou forte, Arlem espalmou para o meio da área e Buiú pegou a sobra, tocando para o gol vazio.

O Ganso buscou a reação e se mandou para o ataque com a entrada de Kaik no lugar de Jackson. A equipe até teve oportunidades para empatar, mas falhou nas finalizações. Aos 20, Arthur cobrou falta na cabeça de Carlão, o zagueiro cabeceou para baixo tirando do goleiro, mas a bola caprichosamente passou tirando tinta do gol de Cleyton. Aos 30, em mais uma cobrança de falta de Arthur, Geovani completou no travessão.

O Uberaba, por sua vez, tocava a bola, fazia cera e esperava uma brecha para matar a partida. Demonstrando disposição, a garotada Colorada marcava em cima e afastava as investidas do Ganso do jeito que dava.

Já no finzinho da partida, o Zebu teve duas boas chances de sair de campo com um placar melhor. Aos 44, Arlem fez uma bela defesa e evitou o gol de Gabriel, que chutou forte de fora da área. Aos 47, Da Silva recebeu lançamento, Arlem saiu do gol e o atacante tocou por cima do goleiro, mas a zaga apareceu para desviar pela linha de fundo. Com a derrota o Ganso permanece na vice-liderança e o Uberaba entra na zona de classificação com os mesmos oito pontos do Uberlândia, porém leva vantagem por ter marcado mais gols que o Verdão.

Ficha técnica

Uberaba: Cleyton, Paulinho, Salatiel, Douglão, Ricardo (Michel); Gabriel, Balduíno, Gagau, Éder, Thiago Emílio (Paulo Fernando) e Buiú (Da Silva). Treinador: Erick Moura.

Araxá: Arlem, Carlão, Geovani, Dirceu (Arthur); Rodrigo Paulista, Cafu, Toda, Jackson (Kaik), Halenn (Murilo), Luiz Eduardo e Cristiano. Treinador: Palhinha.

Árbitro: Luiz Carlos Silva.
Auxiliares: Celso Luiz da Silva e Pedro Alcântara Campos.

Gols: Toda, aos 10 minutos, Balduíno, aos 24 e Buiú, no primero minuto do segundo tempo.

Cartões amarelos: Dirceu (Araxá); Douglão (Uberaba).

Notícias relacionadas