Haja coração

Haja coração

06/03/2010 – O Araxá encerrou o primeiro turno do Campeonato Mineiro do Módulo II com mais uma derrota, a terceira na competição. O Ganso foi derrotado pelo Tricordiano por 4 a 1, neste sábado (6), no Estádio Municipal Fausto Alvim. O Alvinegro é o lanterna da Chave A, com apenas dois pontos conquistados em cinco partidas disputadas. A próxima partida do Araxá é no próximo sábado (13) novamente contra o Tricordiano, em Três Corações.

Só vontade

O Araxá começou com um maior volume de jogo e mostrando muita vontade. Os jovens irmãos gêmeos Dalmer e Victor, que pela primeira vez disputaram uma partida oficial jogando juntos, faziam as melhores jogadas do Alvinegro. O Ganso arriscava chutes de longa distância e cruzamentos na área, mas sem perigo para o goleiro Flávio.
  
O Tricordiano era dominado em campo, mas aos 19 minutos Jonatas Obina recebeu a bola na entrada da grande área, girou em cima do zagueiro Derlan e chutou cruzado no canto esquerdo do goleiro Paulo César.

O Araxá respondeu logo em seguida com um belo chute de fora da área do atacante Victor, que obrigou o goleiro de Três Corações a fazer uma excelente defesa.

Depois do gol, o Tricordiano equilibrou a partida aproveitando o nervosismo do Araxá. Jonatas Obina e Luis Fernando davam trabalho para a pesada zaga alvinegra enquanto o Ganso, com uma posse de bola maior, não conseguia criar boas oportunidades.

Iluminado Jonatas Obina

O treinador interino Dedé tirou o improdutivo Ratinho no intervalo do jogo e colocou Rogério Sá para armar as jogadas do Ganso. Mas a substituição surtiu poucos resultados.

Na primeira cobrança de falta a favor do Tricordiano no 2º tempo, a zaga vacilou, o goleiro Paulo César não saiu do gol, no bate rebate a bola tocou por ultimo em Souza, que fez 2 a 0.

O Ganso ensaiou uma reação. Aos 20 minutos, o atacante Josimar aproveitou cobrança de escanteio para marcar de cabeça. Mas o ensaio parou por aí para brilhar Jonatas Obina. Aos 31 minutos, o atacante carregou a bola pela esquerda, driblou o zagueiro e chutou forte, sem ângulo. A bola ainda bateu na trave e entrou.

No finzinho em mais uma jogada de Jonatas Obina, Breno definiu a goleada em 4 a 1, para desespero da torcida alvinegra, que já teme uma queda para a Segunda Divisão.

Novo treinador

A diretoria anunciou a chegada de Paulo César para o comando do Ganso. O treinador foi jogador do Araxá e acompanhou a partida das cabines de imprensa. No fim do jogo, ele disse que a equipe precisa de, no mínimo, cinco reforços para sair da má situação.

Ficha técnica

Araxá: Paulo César, Dalmer, Derlan, Rafael Oliveira e Rafael Lemos; Cafu, Patrick, Ferreira (Ronan) e Ratinho (Rogério Sá); Victor (Ewerton) e Josimar. Treinador: Dedé

Tricordiano: Flávio, Alemão (Gláucio), Rogério, Catorta e Souza (Zezão); Dione, Fernandez, Felipe (Breno) e Emerson; Luis Fernando e Jonatas Obina. Treinador: Paulo Rogério.

Árbitro: Elmivan Alves Andrade
Auxiliares: Ricardo Júnio de Souza e Marco Antônio da Silva

Cartões amarelos: Dalmer, Cafu e Josimar (Araxá)

Gols no 1º tempo: Jonatas Obina, aos 19 minutos.

Gols no 2º tempo: Souza, aos 7 minutos; Josimar, aos 20; Jonatas Obina, aos 31; e Breno, aos 44.

Notícias relacionadas