Super banner
Super banner

Homem acusado de matar Tulinho Maneira é absolvido pelo Tribunal do Júri

Homem acusado de matar Tulinho Maneira é absolvido pelo Tribunal do Júri

Diário de Araxá

Aconteceu ontem, dia 5, o julgamento do homem acusado de matar o assessor político, ex-radialista e ex-assessor de comunicação da Prefeitura de Araxá Tulinho Maneira. Depois de ficar preso por dois anos, quatro meses e dois dias, o acusado Denilson Fagundes Bento foi absolvido pelo Tribunal do Júri, que foi formado por quatro homens e três mulheres.

O julgamento começou por volta das 8h30 e a sentença foi proferida às 18h15. Após ler a sentença, o juiz Dr. Renato Zupo expediu o alvará de soltura de Denilson, que foi defendido pelo advogado criminalista Leuces Teixeira de Araújo, de Uberaba.

O Ministério Público e a família de Tulinho Maneira podem recorrer da sentença. O julgamento foi acompanhado por familiares e amigos do acusado e da vítima.

Acompanhe o caso:

25/02/2012 – Assessor político é morto a tiros

04/06/2012 – Delegado fala sobre investigações do caso Tulinho Maneira

31/08/2012 – Polícia Civil apresenta acusado de matar Túlio Maneira

Fonte: Germano Afonso

Notícias relacionadas