Indivíduos infernizam comerciantes na região central

Indivíduos infernizam comerciantes na região central

Nesta segunda-feira (9), por volta das 8h, a Polícia Militar (PM) compareceu em uma papelaria na Praça Governador Valadares, onde a vítima A.M.D., 39 anos, funcionária do estabelecimento, relatou uma tentativa de roubo.

Ela relatou que dois indivíduos entraram no local, sendo que um deles a imobilizou pelo pescoço e o outro desferiu um soco em seu rosto. Os autores exigiram  o celular da funcionária, mas no momento o dono da papelaria chegou e eles evadiram pela rua Almeida Campos sentido avenida Getúlio Vargas.

A vítima disse ainda que ambos exalavam forte odor de álcool. Paralelamente a este fato, a vitima B.P.P.A., 25, acionou a policia e alegou que caminhava pela rua Almeida Campos, quando foi surpreendida por um homem com as mesmas características do caso anterior.

Tal autor exigiu a ela a entrega do telefone celular e tentou aproximar-se de sua pessoa, momento em que um homem interveio para lhe proteger o indivíduo proferiu ameaça de morte contra a mulher de 25 anos, fugindo novamente sentido avenida Getúlio Vargas.

E paralelamente aos dois fatos anteriores, as vítimas G.A.G.S., 20, e L.J.S., 32, acionaram a polícia na empresa onde trabalham, na rua Almeida Campos com avenida Getúlio Vargas, as quais alegaram que o autor J.S., 27, havia entrou e exigiu dinheiro.

As vítimas informaram ao autor que ali não trabalhavam com dinheiro, e com isso ele as ameaçou de morte. Os policiais compareceram rapidamente à empresa e conseguiram prender o autor de 27 anos, o qual tinha a mesma aparência e estava vestido conforme demais vítimas haviam citado.

Ele foi preso e conduzido à Delegacia de Polícia Civil, delatando o seu comparsa que tem o apelido de “Paga Mais Uma”, além de ambos terem passado a noite bebendo e são usuários de crack. As buscas continuam a procura do outro autor.

Notícias relacionadas