Super banner

Internacional é goleado e dá a mão para o Palmeri sair do buraco

Internacional é goleado e dá a mão para o Palmeri sair do buraco

Sem vencer ainda no Campeonato Amador até então, o Palmeri goleou o Internacional na manhã de hoje (20) por 4 a 1, em jogo disputado no campo Chácara Dona Adélia. Irreconhecível em campo, o Tricolor da rua Bahia tentava entrar para o G8, mas a derrota tirou o 9° lugar da equipe que agora se encontra na 11ª colocação. Com os três pontos, o Palmeri subiu uma posição e deixou a zona de rebaixamento.

Inter mal e Palmeri na frente

Em situação bastante complicada na parte debaixo da tabela, o Palmeri entrou mais focado na partida enquanto o Internacional não se acertava em campo sentindo a falta de jogadores como Valtinho e Luizinho, além de Lucas e Robson que não aparecerem bem na etapa inicial.

O primeiro chute a gol do jogo só saiu aos 21 minutos na batida de Alan, do Palmeri, de fora da área.

Melhor na partida, o Palmeri deu início à contagem aos 31 minutos. O zagueiro Jhonatan cortou cruzamento para o meio da área, nenhum companheiro conseguiu chegar antes de Thiago e o atacante chutou forte, sem chances para Éder Batata.

Mesmo precisando da vitória para chegar à zona de classificação, o Internacional não conseguiu reagir e terminou o primeiro tempo perdendo.

<strong>Palmeri amplia e goleia

O que estava difícil para o Inter ficou ainda pior com dois gols em dois minutos. O primeiro saiu na cobrança de pênalti, cometido por Jhonatan em Thiago. O camisa 6, Chicandu, bateu com confiança no canto direito do goleiro que chegou a tocar na bola antes que ela entrasse, aos 17.

O Internacional tentou a saída de bola com pressa para tentar diminuir, mas no contra-ataque, Marquinhos recebeu sozinho, partiu para cima do goleiro, e fez 3 a 0 tocando por cima de Éder Batata, aos 19 minutos.

O gol de Robson, aos 34, ainda deu esperanças ao Tricolor, só que Merson, em cobrança de falta fez 4 a 1, logo aos 38 minutos, decretando a goleada.

Ficha técnica

Internacional: Éder Batata, Dinei, Jhonatan (Amilton Mamão), Lazinho e Cláudio; Jean, Fabiano Loucura (Lucas Cigano), Robson e Lucas; João Henrique e Flávio.
Treinador: Saba.

Palmeri: Bil, Willian, Marcão, Zé da Vale e Chicandu; Alan (Magrão), Ênio, Merson e Vavá (Renato); Thiago e Márcio (Dalminho).
Treinador: Thiago.

Árbitro: Odair José.

Auxiliares: Elvécio Gomes e Jóvio Pereira (Baiano).

Gol no 1ª tempo: Thiago, aos 31.

Gols no 2º tempo: Chicandu, aos 17; Marquinhos, aos 19; Robson, aos 34; e Merson, aos 38.

Cartões amarelos: Jhonatan, Jean, Cláudio, Flávio e Robson (Inter); Marcão, Alan e Dalminho (Palmeri).

â–º Classificação

â–º Tabela

Notícias relacionadas