Irregularidades fazem 47 pessoas perderem casas em conjuntos habitacionais

Irregularidades fazem 47 pessoas perderem casas em conjuntos habitacionais

A apuração de denúncias, por parte da Prefeitura de Araxá e Caixa Econômica Federal, chegou à retomada de 47 residências do programa “Minha Casa, Minha Vida”. Casas à venda, para alugar, invadidas ou em situação de abandono são exemplos de imóveis recuperados por decisão judicial nos conjuntos Max Neumann, Vila Verde, Vila Mayor e Pão de Açúcar 3.

Segundo o assessor de Habitação da Secretaria Municipal de Ação e Promoção Social, Vergílio José Silva Júnior, as casas foram retomadas após relatos de irregularidades.

“A partir de denúncias, nós começamos a apurar. Passamos essas situações para a Caixa Econômica, a Caixa pediu reintegração de posse, saíram as liminares judiciais e essas pessoas perderam suas casas”, destaca o assessor.

Ele afirma que há mais 40 casas para serem retomadas. São residências que estão dentro de um processo de análise da Caixa Econômica Federal. Os imóveis retomados são repassados para pessoas que fazem parte de uma lista de espera.

Pão de Açúcar 4

As casas do novo conjunto habitacional Pão de Açúcar 4 devem ser entregues em 40 dias. De acordo com Vergílio, além da fiscalização de denúncias, haverá um trabalho de cunho social antes dos moradores receberem as chaves. “Essas pessoas vão passar por uma triagem, uma conversa com assistentes sociais para aprenderem a morar em conjunto”, destaca.

Notícias relacionadas