Jovens já podem se vacinar contra a gripe A

Jovens já podem se vacinar contra a gripe A

O Ministério da Saúde prorrogou a vacinação de grávidas, doentes crônicos (exceto idosos) e crianças de seis meses a menores de dois anos até o próximo dia 23 de abril.

Começou nesta segunda-feira (5) a terceira etapa da campanha nacional de vacinação contra a influenza H1N1, a famosa gripe suína. Adultos com idade entre 20 e 29 anos têm até o dia 23 de abril próximo para receber gratuitamente a dose. Para ser vacinado, é preciso ir aos postos de vacinação levando documento de identidade com foto. A meta do Ministério da Saúde é imunizar pelo menos 80% do público-alvo desse grupo, formado por 35,1 milhões de pessoas.

Essa faixa etária foi a que teve o maior número proporcional de casos de doença respiratória grave causada pelo novo vírus no ano passado, cerca de 24% do total de 44.544 casos, em todo o País. O grupo também concentrou 20% das mortes ocorridas em 2009, ou seja, 2.051 óbitos.

Em virtude do feriado da Semana Santa, o Ministério da Saúde prorrogou a vacinação de grávidas, doentes crônicos (exceto idosos) e crianças de seis meses a menores de dois anos até o dia 23 de abril. Assim, a segunda etapa, que terminaria na última sexta-feira (2), deverá continuar ao longo da terceira fase.

Todas as grávidas que ainda não se vacinaram, independentemente do período de gestação, podem se imunizar. As mulheres que engravidarem após o fim da terceira etapa poderão tomar a vacina nas fases seguintes. Não é necessário apresentar atestado médico para comprovar a gravidez.

A coordenadora do Centro de Vacinação em Araxá, Kênia Souza, diz que a expectativa da Secretaria Municipal da Saúde é vacinar cerca de 25 mil pessoas, nas quatro etapas da vacinação. “Existem muitos boatos em relação a vacina da gripe A, mas não existe nada. A vacina é segura, não se teve qualquer caso de irregularidade ou problema em relação a essa vacina. As pessoas estão com certo medo de tomar, perguntam sobre os sintomas que ela pode causar e as vezes até associam com outra doença, mas não existe qualquer problema”, esclarece.

De acordo com ela, Araxá ainda não registrou nenhum caso este ano. “Tivemos apenas um caso suspeito na Santa Casa, mas foi negativado como rantavirose. É muito importante vacinar contra a gripe A, tivemos vários casos em 2009, inclusive de óbitos e a expectativa de reduzir ao máximo esses números. Quem tiver receio ou qualquer dúvida procure o posto de saúde ou o médico para esclarecer e tomar sua vacina tranquilamente. Em Araxá, a vacinação gratuita acontece em todas as unidades de saúde e no Centro de Vacinação, das 7h às 17”, destaca Kenia.

Notícias relacionadas