Lançada oficialmente a 2ª Campanha de Popularização do Teatro e Dança de Araxá

Lançada oficialmente a 2ª Campanha de Popularização do Teatro e Dança de Araxá

Foto: Ascom/Campanha de Popularização

Uma manhã onde as artes cênicas foram o foco principal dos olhares. Foi lançada oficialmente a 2ª Campanha de Popularização do Teatro e Dança de Araxá. O momento contou com a presença de autoridades, produtores culturais e artistas da cidade. O público foi recepcionado pelos bonecos do Grupo Conexão Cultura.

Em seguida, uma apresentação de dança, dos bailarinos do Grupo Arte e Cia, abriu o palco da cerimônia. Para fechar, uma trupe de palhaços, do Grupo Fratelo, chegou cantando e levando ainda mais alegria ao evento. Eles montaram o cenário da coletiva e acompanharam as autoridades para a formação da mesa. Tudo em meio à magia do circo e das cantigas de roda. A campanha chega ao seu segundo ano à Araxá e traz quinze espetáculos, sendo dez locais e cinco de Belo Horizonte.

A realização é do Sindicato dos Produtores Artes Cênicas de Minas Gerais (Sinparc), por meio do Ministério da Cultura, pela Lei de Incentivo à Cultura, com patrocínio da Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração (CBMM). “A Campanha de Popularização acontece em BH há 40 anos e sempre foi um dos instrumentos mais importantes para as artes cênicas. A Campanha presa também pelo trabalho de fortalecer a produção artística da cidade, além de usarmos essa arte como meio transformador da comunidade local”, explica presidente do Sinparc, Rômulo Duque.

A Fundação Cultural Calmon Barreto (FCCB) é uma das parceiras da campanha. Presente no lançamento, a presidente Débora Arantes, afirma que a cidade se destaca em todo o estado na área cultural em geral e receber a campanha reforça ainda mais o compromisso com o apoio aos artistas e as produções locais.

“No ano passado foi uma campanha de sucesso e receber essa campanha pela segunda vez, vem consolidar esse trabalho proposto e a gente acredita que ela vai ficar aqui por muitos anos. Queremos principalmente consolidar os grupos da cidade e despertar na população, que está tendo uma excelente aceitação, mas isso vem imprimir mais na nossa cultura uma vontade de trazer o povo pra dentro do teatro e levar o teatro para as ruas também”, aborda a presidente.

 O gestor comercial do Grupo Conexão Cultura, Arnaldo Galleguillos, também participou do evento promocional da campanha e o grupo que ele pertence está em cartaz com um espetáculo. Para ele, a segunda campanha é o momento que os artistas de Araxá podem mostrar o trabalho. “Valorizar a prata de casa é o mais importante e eu acredito que a intenção maior da campanha é mostrar o que ela tem e como foi dito, temos um material humano maravilhoso em Araxá. Temos condições e habilidades para isso”, comenta.

Primeiros espetáculos

Abrindo a temporada de apresentações, nesta sexta feira (02), tem a ópera A serva Patroa. A montagem conta a história da empregada Serpina, que é apaixonada pelo patrão, Uberto e que faz diversas trapalhadas para tentar convencer o homem de se casar. A apresentação acontece a partir das 20h.

No sábado (03), dois espetáculos para o público. Ás quatro da tarde, o Grupo Fratelo, de Araxá, apresenta Pra dentro da cabeça. A história se passa em um circo, onde o um mágico por não conseguir realizar um número, experimenta alguns tipos de drogas. A montagem traz uma reflexão sobre o uso de entorpecentes e tem censura 10 anos.

Logo após, a partir das 20h, uma comédia que vai ensinar muito para os casais. Direto de BH, a peça, 10 maneiras incríveis de destruir seu casamento, promete arrancar gargalhadas do público. No domingo (04) às cinco da tarde têm o primeiro espetáculo de dança da campanha: Lisbela e o Prisioneiro, do CDK Centro de Danças, de Araxá, que conta a história do romance entre Leleu e Lisbela, num cenário nordestino, cheio de curiosidades.

Encerrando o primeiro fim de semana de peças, a Cangaral, em parceria com os Grupos de Araxá: Corda Esticada, Cia Valentina e Base, apresentam a peça Assim como o vento, montada no Projeto Troca a Cena, realizado em abril. A peça mostra um drama familiar, os conflitos e os problemas vividos por uma mãe e seus três filhos. Um final surpreendente promete emocionar e nos fazer refletir.

Redes Sociais

A edição 2013 traz como slogan “Tô na campanha!” e promove uma grande interação com o público pelas redes sociais, através da Página Oficial no facebook.com/campanhateatro e no Twitter[email protected].

Notícias relacionadas