Miguel Júnior renuncia ao cargo de vereador

Miguel Júnior renuncia ao cargo de vereador

Miguel Júnior (PMDB) encaminhou uma carta de renúncia ao cargo no Legislativo araxaense, na tarde de hoje (8). O ex-presidente da Câmara Municipal é investigado pela Polícia Civil em dois casos de corrupção. A carta foi lida, na íntegra, pelo presidente interino Fabiano Santos Cunha (PRB) durante reunião ordinária.

Miguel Júnior é o primeiro vereador investigado a pedir renúncia do cargo. A Polícia Civil aponta a participação do ex-vereador no esquema de desvio de R$ 262 mil da Santa Casa e na compra de apoio político nos processos de eleição e reeleição ao cargo de presidência da Câmara Municipal. Nas duas investigações, Miguel Júnior é confesso.

Na soma das operações contra a corrupção desencadeadas pela Polícia Civil e Ministério Público, outros cinco vereadores também são investigados; Juninho da Farmácia (DEM), José Domingos Vaz (PDT), Eustáquio Pereira (PTdoB), Pezão (PMDB) e Sargento Amilton (PTdoB).

Com o pedido de renúncia, o suplente João Bosco Borges passa a ser o titular do cargo.

Notícias relacionadas