Motorista que fugir da balança de pesagem será flagrado na BR-262

Motorista que fugir da balança de pesagem será flagrado na BR-262

Câmeras de fotografias e vídeo começam a ser instaladas na balança de pesagem obrigatória na BR-262, próxima ao posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Araxá. A previsão é que o aparelho comece a funcionar em breve e vai flagrar para uma punição – multa de R$ 127 e cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) – os motoristas de veículos pesados que tentarem fugir da fiscalização.

De acordo com um levantamento do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), metade dos caminhoneiros não passa pela pesagem obrigatória no Brasil. Os veículos de carga, mesmo que estejam vazios, são obrigados a passar pela balança.

O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) deve emitir uma resolução para normatizar o uso das câmeras para que as multas tenham validade. Até a medida acontecer, as câmeras serão ferramentas auxiliares no trabalho dos fiscais.

Ao contrário da infração por excesso de peso, a penalidade pela fuga é dada ao motorista e não ao dono do caminhão e embarcadores. Segundo o Dnit, a estimativa é que 25 caminhões passem por dia pelas balanças de Araxá, Uberlândia, Uberaba, Patos de Minas e Comendador Gomes. Algumas delas já receberam o novo equipamento. O objetivo das câmeras é educar os motoristas e impedir que eles fujam da fiscalização.

Notícias relacionadas