Mulher diz estar com depressão, furta loja e vai presa

Mulher diz estar com depressão, furta loja e vai presa

Nesta quinta-feira (15), a Polícia Militar foi acionada a comparecer em uma loja na rua Presidente Olegário Maciel, Centro, onde ocorreu um furto.

Segundo o proprietário, foi visualizado no sistema de câmeras que a mulher C.D., 52 anos, havia pegado duas peças de roupas, sendo um vestido no valor de R$ 229,90 e uma ”saída de banho ” no valor de R$ 99,90. A acusada retirou os bótons de segurança e, em seguida, colocou as peças em uma sacola e saiu da loja.

A mulher foi seguida pela gerente até próximo a uma agência dos correios, onde a autora deixou a sacola com as roupas, dizendo que iria retornar para pegar a sacola depois. Porém, quando ela estava saindo da agência foi abordada pela gerente.

Os policiais apreenderam as peças de roupas furtadas, sendo a autora presa. Ela alegou ainda que não sabe o motivo de ter efetuado o furto, alegando que está sofrendo de depressão.

A autora também possui uma dívida, na mesma, loja no valor de R$ 3.300. O valor das peças furtadas não foi pago pela autora, tendo ela sido encaminhada a delegacia para providências cabíveis. 

Notícias relacionadas