Mulher é morta por causa de uma pedra de crack

Mulher é morta por causa de uma pedra de crack

Da Redação – Uma mulher foi morta de forma brutal na noite de sábado (30), na rua Ignez Maria Alves, bairro Ana Pinto de Almeida, após discussão iniciada por causa de uma pedra de crack. Úrsula de Freitas, de 25 anos, recebeu um golpe de tesoura na altura do pescoço e não resistiu ao ferimento.

 A vítima chegou a ser socorrida pelo Corpo de Bombeiros e levada ao Pronto Atendimento Municipal (PAM), mas morreu quando estava internada na Santa Casa de Misericórdia.

 A Polícia Militar (PM) obteve informações de que o autor do crime seria Marcos Aurélio Afonso, 23 anos, conhecido por Caquinho, o qual foi preso durante os rastreamentos.

 O autor estava em companhia de uma adolescente de 17 anos que também foi apreendida.

Segundo ele, a vítima foi até sua residência, comprou uma pedra de crack, mas não efetuou o pagamento. Após discussão, ela saiu do local, sendo acompanhada pelo autor. Ele estava armado com uma tesoura e tentou pegar a pedra de crack de volta, mas não conseguiu.

Em ato contínuo, o autor desferiu um golpe com a tesoura na altura do pescoço da vitima. Segundo a ocorrência, após a tesourada Marcos Aurélio tentou fugir, mas foi preso pela PM.

Notícias relacionadas