Negociações não avançam e UFTM redistribui vagas de Araxá para Uberaba e Iturama

Negociações não avançam e UFTM redistribui vagas de Araxá para Uberaba e Iturama

A reitora Ana Lúcia de Assis Simões realizou um acordo, durante reunião com o Ministério da Educação no início de maio, de repactuação de vagas de professores e técnico-administrativos destinadas à implantação do campus de Araxá-UFTM.  As vagas serão redistribuídas para Uberaba e Iturama.

Em 2013, a Reitoria da UFTM pactuou junto ao MEC a abertura de campi da UFTM em Iturama e Araxá, com definição de cursos e vagas de servidores, dando início ao diálogo com os municípios sobre apoio para implantação.  Em Iturama, houve avanços e a inauguração do campus aconteceu em 2015. Já as negociações em Araxá não prosperaram.

Preocupada com as necessidades dos cursos da sede, a Reitora obteve autorização do Ministério da Educação para fazer essa redistribuição de vagas e postergar a implantação do campus de Araxá para outro momento a ser definido.

A Reitoria enviará memorando à  Comissão Permanente de Pessoal Docente – CPPD/UFTM em que solicita estudo e proposta de distribuição de 30 vagas para docentes, sendo sete para consolidação dos cursos já implantados em Iturama e 23 para as necessidades dos cursos da sede.

As vagas para técnico-administrativos serão redistribuídas a partir de estudos da Pró-Reitoria de Recursos Humanos, diante das necessidades da Instituição.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário: