Novo gerente da Copasa explica tarifas das contas de água

Novo gerente da Copasa explica tarifas das contas de água

O novo gerente do Distrito Alto Paranaíba da Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa), Luiz Eduardo Murta Gomes, apresentou as tarifas de água aos vereadores, na tarde de ontem (4), e sanou dúvidas dos legisladores a respeito das cobranças, a pedido do vereador José Maria Lemos Júnior. Luiz Eduardo está há 30 anos na Copasa e vem de Belo Horizonte, onde trabalhou nos últimos nove anos na Divisão de Saneamento Rural.

“É fundamental este contato porque a Câmara e a prefeitura são clientes especiais para a Copasa, já que são representantes do povo. É muito importante estar informando com frequência e, em minha opinião, esta reunião foi um sucesso”, destaca o gerente. 

“Atualmente, a população de Araxá paga pelos serviços de esgoto. Mesmo que a Estação de Tratamento (ETE) (próxima ao Girassol Clube de Campo/BR-262) não esteja pronta, há uma cobrança devido às redes coletoras e aos interceptores. Isto representa 40% da tarifa de água. Quando a Copasa concluir as obras da Estação de Tratamento, será cobrado 60%”, acrescenta. 

Ainda segundo Luiz Eduardo, a cobrança não é por causa dos investimentos restritamente que a Copasa está fazendo do ponto de vista do tratamento de esgoto e sim da manutenção da rede coletora existente em Araxá.

Segundo o vereador José Maria Lemos Júnior, havia uma dúvida quanto ao processo que foi levantado pelo Ministério Público sobre as tarifas da Copasa. “Uma equipe bem coesa esteve aqui (Câmara) e nos explicou os motivos das cobranças e tarifas, que são de Minas Gerais e cabíveis da legislação.”

Notícias relacionadas