Super banner
Super banner

Pauta de reivindicações da Data-Base será entregue nesta sexta-feira

Pauta de reivindicações da Data-Base será entregue nesta sexta-feira

Da Redação – A Comissão de Negociação da Data-Base entregará a pauta de reivindicações dos servidores municipais nesta sexta-feira (3). O calendário de negociação foi definido na primeira reunião da comissão que aconteceu na última terça-feira (30), no Instituto Colombo. De acordo com o calendário, a contraproposta das reivindicações era entregue do dia 10 de maio. Entre os dias 13 e 17 de maio próximo, o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Araxá e Região (Sinplalto), a Associação dos Servidores da Prefeitura de Araxá (Aserpa) e a Cooperativa dos Servidores da Prefeitura Municipal de Araxá (Cosprema) realizam uma assembleia unificada com os servidores municipais para aprovação das reivindicações.

De acordo com o calendário de negociação, entre os dias 20 e 23 de maio, a proposta de reajuste salarial para toda a categoria deverá ser encaminhada a Câmara Municipal. A expectativa é que as reivindicações aprovadas pelo prefeito Jeová Moreira da Costa já refletem no pagamento do mês de junho. A comissão de negociação é composta pelo secretário municipal Planejamento e Gestão, Jorge Borba, os assessores jurídicos, Jonathan Reanud e Ednamara Flores Rodrigues, o presidente do Sinplalto, Hely Aires, o presidente da Aserpa, José dos Reis (Zezinho), o presidente da Cosprema, Daniel Drumomd e a servidora da Educação Janaina Pereira.

Na primeira reunião de negociação, ficou definido que a administração municipal indicará mais quatro membros para compor a comissão, sendo eles representantes do Iprema, da Fundação Cultural Calmon Barreto (FCCB), IPDSA, e Fundação da Criança e Adolescente. O Sinplalto também indicará uma servidora da área da saúde para fazer parte da mesa de negociação. De acordo com o presidente do Sinplalto, a primeira reunião foi bastante positiva. “Temos uma responsabilidade muito grande nas mãos. O servidor está ansioso pela Data-Base e pelo que podemos notar durante a reunião da comissão de negociação, a administração municipal vai fazer tudo que for possível para atender as reivindicações da categoria.”

Segundo Hely, o momento é histórico para o município. “Depois de várias décadas, o servidor público municipal será realmente valorizado. A Data-Base é o reconhecimento da categoria, o reconhecimento do trabalhador que faz a maquina pública funcionar. Claro que essa negociação já deveria existir há vários anos, mas temos que reconhecer o esforço do prefeito Jeová e a disposição de todos que fazem parte da comissão de negociação em atender as reivindicações da categoria. Além disso, os servidores da educação estão ansiosos quanto ao pagamento do piso da categoria. Alias, todos os servidores estão ansiosos quanto aos benefícios que estão por vir. Isso aumento muito nossa responsabilidade e vamos fazer de tudo para atender essa expectativa da categoria”, destaca o presidente do Sinplalto.

Notícias relacionadas