PM prende autores com maconha

PM prende autores com maconha

Nesta quarta-feira (17), por volta das 7h, a Polícia Militar (PM) fazia patrulhamento pela avenida Sebastião Ferreira Pinto, bairro Ana Pinto de Almeida, momento em que os policiais viram os autores W.A., 21 anos, e R.S., 21, em atitude suspeita, onde eles trocavam materiais entre si, não sendo possível determinar o quê cada um repassou ao outro.

Mas ao perceberem a guarnição policial, de acordo com a ocorrência, ambos se mostraram bastante nervosos, tendo o primeiro indivíduo tentado fugir. Após busca pessoal, foi localizado com este autor um pequeno pacote plástico contendo uma pequena quantidade de maconha e o valor R$ 10.

Com o outro autor também foi localizado outra pequena porção de maconha e a quantia de R$ 42.

Os dois foram presos e encaminhados à Delegacia de Polícia Civil para as demais providências.

Equipamentos são furtados em área de pesquisa

Nesta quarta-feira (17), por volta das 9h, a PM compareceu a uma área de pesquisa de uma empresa situada próximo à BR-262, onde um funcionário relatou que ao chegar para trabalhar notou que alguém não identificado havia arrombado durante a madrugada as portas da casa onde é realizada pesquisas, revirando todos os cômodos e também arrombado a porta de um depósito, sendo furtados do local um monitor de computador 17 polegadas, um monitor de estação meteorológica, um atomizador, uma roçadeira e um DVD.

Nenhum suspeito foi localizado.

<strong>Jardim Natália

Polícia prende casal envolvido em briga

Nesta quarta-feira (17), por volta das 12h, a PM foi solicitada a comparecer na rua Braz da Costa, bairro Jardim Natália, onde um homem de 31 anos relatou que sua esposa de 36 anos estava ateando fogo nas roupas dele após uma discussão do casal.

No local, a guarnição deparou com várias peças de roupa queimadas, tendo a mulher alegado que queimou as peças devido ao fato de seu marido tê-la agredido com mordidas, chutes e socos.

Já o marido disse que apenas se defendeu da mulher que o agrediu por meio de mordidas e atingiu-lhe com uma garrafada na cabeça, além de chutes.

 Diante disso, as partes foram encaminhadas ao Pronto Atendimento Municipal (PAM), onde foram atendidas e liberadas, sendo apresentadas em seguida à Delegacia de Polícia Civil para as demais providências.

Notícias relacionadas