PM prende casal com grande quantidade de drogas vindas de Patrocínio

PM prende casal com grande quantidade de drogas vindas de Patrocínio

Ocorrências policiais

Na sexta-feira (7), por volta das 11h, a Polícia Militar (PM) fazia patrulhamento pela bairro Aeroporto quando viu um táxi com placa de Patrocínio e um dos passageiros olhava assustado para trás levantando suspeita de que algo estava acontecendo.

O veículo foi abordado chegando na rua Celina Maria de Jesus e além do condutor estava um casal, identificado como J.A., 20 anos, e a mulher S.L., 24. Durante busca, os policiais localizaram no porta-malas do táxi uma bolsa de propriedade dos passageiros contendo aproximadamente 3,5kg de maconha e 540g de crack, se divididas usualmente no tamanho comercializado para o tráfico renderiam 1,6 mil pedras.

Foram apreendidos ainda quatro celulares, um notebook, R$ 310 em cédulas de valores diversos caracterizando em tese tráfico de drogas.

Diante do fato, os passageiros foram presos em flagrante. O taxista relatou que os passageiros foram apanhados na rodoviária de Patrocínio e levados para Araxá, cobrando R$ 200 pela corrida. Ainda segundo o condutor, o passageiro de 20 anos ao perceber que o táxi seria abordado pediu para que o motorista parasse o carro, abrisse o porta-malas para que ele pegasse a bolsa e saísse correndo, porém, ele recusou e apenas obedeceu a ordem de parada da PM.

No momento da abordagem, foi conferido o histórico de ligações do celular de propriedade do autor de 20 anos, sendo encontrada uma série de ligações realizadas minutos antes para o indivíduo E.S., 22, muito conhecido no meio policial por envolvimento com o tráfico e suspeito de ser o proprietário da droga transportada.

Os policiais foram então à casa do autor de 20 anos e para surpresa lá estava ele esperando pela droga na porta. Ele também foi preso juntamente com o casal de Patrocínio, sendo encaminhados à Delegacia de Polícia Civil para as demais providências.

São Domingos

PM encontra maconha e crack durante abordagem

Na sexta-feira (7), por volta das 21h, a Polícia Militar (PM) realizava batida policial no bairro São Domingos, quando viu um indivíduo conhecido por envolvimento com consumo e tráfico de drogas parado em um portão de uma casa chamando por outra pessoa.

O suspeito foi abordado e indagado relatou que estava procurando pelo morador da residência, J.Z., 18 anos, conhecido pelo envolvimento com tráfico de drogas na região da avenida João Paulo II. Neste momento chegou ao portão da residência a namorada do indivíduo de 18 anos, que após ser informada sobre a suspeição de haver drogas na casa destinadas ao comércio autorizou o ingresso da guarnição para a realização de busca no interior do imóvel.

Lá os policiais localizaram debaixo de uma pedra no quintal dois pacotes plásticos, um contendo um tablete de maconha e outro 23 pedras de crack cortadas prontas para o comércio.

No transcorrer da busca foi abordado na mesma rua o próprio autor de 18 anos, o qual passava pelo local conduzindo uma bicicleta. Imediatamente o mesmo foi indagado sobre a droga localizada na sua residência, tendo ele informado que o entorpecente era de sua propriedade.

Diante do fato, ele foi preso e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil para as demais providências.

Dâmaso Drummond

Adolescente é apreendida com crack

Na sexta-feira (7), por volta das 19h, durante operação de combate ao crime, a PM passava pela avenida Dâmaso Drummond quando viu a menor D.S., 13, filha de um conhecido traficante da cidade, na garupa de um mototaxista.

Ao ser abordado, ela se mostrou bastante nervosa e os policiais perceberam que havia volume entre seus seios. Foi pedido a ela que mostrasse do que se tratava, tendo ela retirado um pacote contendo 19 pedras de crack e R$ 93 em dinheiro.

A adolescente confessou que está praticando o tráfico de drogas há três meses e antes da abordagem já havia vendido 11 pedras.

Diante do fato, ela foi apreendida e encaminhada à Delegacia de Polícia Civil para as demais providências.

São Pedro

Taxista agride amásia, foge e PM apreende arma no local da ocorrência

Na sexta-feira (7), por volta das 18h, a PM compareceu à rua Américo Autran, bairro São Pedro, onde a solicitante E.G., 50, relatou que seu amásio O.C., 64, chegou em casa bastante nervoso e começou a lhe agredir com socos, vindo a lhe ferir a cabeça, onde foi verificado sangue em seu pescoço, porém, a recusou atendimento médico, e relatou que após o fato o amásio fugiu do local em seu táxi SpaceFox.

A vítima apresentou ao policiais uma arma de fogo calibre 32 dentro de uma caixa contendo 11 munições intactas. O material estava em seu guarda-roupas, onde alegou ter medo de acontecer algo pior.

O autor não foi localizado e a arma foi apreendida e encaminhada à Delegacia de Polícia Civil para as demais providências.

João Paulo II

Indivíduo invade empresa e leva dinheiro que era para pagamento de funcionários

Na sexta-feira (7), por volta das 16h, a PM compareceu a uma empresa na avenida João Paulo II, área central, onde uma funcionária relatou que estava separando o dinheiro de pagar os funcionários, momento em que entrou um indivíduo alto, forte e trajava calça jeans escura, blusa de frio branca, touca ninja vermelha com branco e de posse de um revolver oxidado e de cano longo anunciou o assalto, perguntado onde estava o dinheiro do pagamento.

A vítima disse que não tinha nenhum dinheiro e o autor disse que sabia que ela estava com o dinheiro do pagamento de seus funcionários, e começou a revirar as gavetas dos armários do escritório, pegando a quantia de R$ 1,7 mil e subiu na garupa de uma moto guiada por um comparsa que o aguarda, sendo este moreno baixo e trajava jeans escuro.

Uma testemunha viu que a moto era uma Honda CBX 250 Twister preta.

Nenhum suspeito foi localizado.

Notícias relacionadas