PM prende duas estelionatárias na região central

PM prende duas estelionatárias na região central

A Polícia Militar (PM) prendeu na tarde desta terça-feira (24) duas mulheres que estavam aplicando o golpe da falsa premiação (estelionato) no Centro de Araxá. A vítima saiu de uma agência bancária na avenida Antônio Carlos e foi abordada por Marcilene Gomes Ferreira, 38 anos, Elisângela Gonçalves de Souza, 30, e mais um homem que conseguiu fugir em um carro com placa do Espírito Santo.

De acordo com a PM, a vítima estranhou a atitude das três pessoas e fez sinal para um dos militares que fazia o policiamento na área central. Ao perceber a aproximação da polícia, elas fugiram em sentidos diferentes e a viatura conseguiu abordar Marcilene próximo ao terreno do antigo mercado municipal. As duas foram reconhecidas pela vítima

Em seguida, os militares rastrearam uma ligação de Elisângela para Marcilene, que tem passagem pela polícia, de um telefone público da rua Rio Branco e a prendeu quando tentava se esconder em um bar.

A PM acredita que as duas supostamente fazem parte de uma quadrilha do Espírito Santo e serão indiciadas por estelionato, com pena prevista de um a cinco anos de reclusão. Também foram apreendidos diversos cartões de banco, bilhetes lotéricos e outros documentos de procedência duvidosa.

O crime geralmente é feito por dois golpistas. Um deles deixa um envelope cair no chão contendo dinheiro, bilhete lotérico, cartão de crédito ou outro objeto. A vítima pega o envelope para devolvê-lo, quando chega o outro golpista.

O gesto é agradecido e os bandidos oferecem à vítima uma gratificação, mas precisa deixar a bolsa ou carteira para buscar o prêmio em algum local, geralmente um comércio que “não aceita pessoas com objetos pessoais”. Em seguida, os golpistas fogem e só depois a vítima percebe que foi enganada.

Este tipo de crime é feito com bastante frequência na área central de Araxá. De acordo com a PM, os bandidos geralmente selecionam as vítimas em filas de agências bancárias antes do aplicarem o golpe.

Notícias relacionadas