Poder Judiciário julga crimes contra a vida em Araxá

Poder Judiciário julga crimes contra a vida em Araxá

Da Redação/Raphael Rios – Começou na manhã de hoje (6), no Tribunal do Júri (Juizado Especial) da avenida Getúlio Vargas, uma nova série de julgamentos de crimes contra a vida. Os trabalhos acontecem de hoje até o dia 10 de junho. O caso que abre os julgamentos é de uma tentativa de homicídio ocorrida a cerca de dois anos.

Toda a população pode acompanhar a atuação do Poder Judiciário. As sessões do Tribunal do Júri são designadas para julgamento de crimes dolosos contra a vida, consumados ou tentados, em sua maioria homicídios. Serão cinco processos submetidos ao conselho de sentença composto por cidadãos, de notória idoneidade e bom intelecto, escolhidos pela Justiça até a próxima sexta-feira. Esse conselho vai decidir o destino do réu e da causa.

O juiz Renato Zouain Zupo comanda os julgamentos. Todos os júris começam às oito da manhã e têm previsão de acabar no período da tarde. Muitas pessoas acompanharam o inicio dos trabalhos, em sua maioria, estudantes de direito que puderam vivenciar tudo aquilo que é aprendido no banco da faculdade.

Casos

Serão julgados homicídios recentes e antigos, além de uma tentativa de homicídio. Destaque para um caso ocorrido em 1988. São mais de 23 anos do recebimento da denúncia. Neste julgamento são três réus que finalmente vão a júri após todo esse tempo responder pela morte de uma pessoa.

Trânsito

Por segurança, a Polícia Militar fechou a avenida Getúlio Vargas no quarteirão entre a Mariano de Ávila e a Almeida Campos.

Notícias relacionadas