Prefeitura vai investir meio milhão de reais em ações de combate à dengue

Prefeitura vai investir meio milhão de reais em ações de combate à dengue

A Prefeitura de Araxá, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, iniciou o combate ao mosquito transmissor da dengue, da chikungunya e do zika vírus, o Aedes Aegypti. Reuniões já estão sendo feitas com intuito de traçar estratégias de prevenção contra essas doenças.

A questão foi reafirmada na edição do programa “Bom Dia, Prefeito!” da última sexta-feira (15). “O prefeito autorizou investimento de R$ 500 mil em ações preventivas, equipamentos, medicamentos e qualificação pessoal. O objetivo é evitar que a cidade não tenha sequer o risco de ter uma epidemia relacionado a dengue no município. A partir de agora, nossas equipes de agentes comunitários de saúde e de combate de endemias, que visitam as residências diariamente, vão colocar seu trabalho totalmente voltado nesta prevenção”, diz a secretária Lídia Jordão.

O governo federal declarou Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional com nota técnica enviada às prefeituras de todo o Brasil que orienta as ações de enfrentamento ao mosquito.

Em Araxá, na última semana, os agentes comunitários de saúde estiveram em reunião que enfatizou sobre a importância dos profissionais na luta para acabar com mosquito transmissor das doenças.

O encontro contou com as presenças da referência técnica em Saúde do Trabalhador Telma Di Mambro Senra, da referência técnica em Vigilância Ambiental Flávia Rios e de demais servidores envolvidos no tema.

Ficou atribuído aos agentes ligados a Atenção Primária, realizar ações e atividades de educação sobre o manejo ambiental, incluindo ações de combate a vetores, especialmente em casos de surtos e epidemias, orientar a população de maneira geral e a comunidade sobre os sintomas, riscos e agente transmissor de doenças e medidas de prevenção individual e coletiva, mobilizar a população para desenvolver medidas de manejo ambiental e outras formas de intervenção no ambiente para o controle, dentre outras atividades.

O Ministério da Saúde preconiza que cada domicílio receba a visita de agentes uma vez por mês. Campanhas serão lançadas nos meios de comunicação com o envolvimento de todas as secretarias para que todas as iniciativas tenham êxito.

“Não podemos permitir que a dengue se torne um problema. É hora da união de todos. Todos tem uma missão a cumprir. Não é uma obrigação apenas da prefeitura. É uma questão de cidadania, um comprometimento de cada elemento que mora em Araxá, para que possamos fazer um combate muito mais forte a essa grave epidemia”, finaliza o prefeito.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário: