Presidente da Federaminas avalia resultados do Big Show NRF 2015

Presidente da Federaminas avalia resultados do Big Show NRF 2015

“Através do projeto da Federaminas de internacionalização das micro e pequenas empresas mineiras, os empresários do setor de comércio tiveram nova oportunidade de expandir seus conhecimentos com o que há de mais inovador no mercado de varejo mundial.” A afirmação é do presidente da Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Estado de Minas Gerais (Federaminas), Emílio Parolini, ao avaliar os resultados da missão da entidade ao Big Show NRF 2015 – a convenção da National Retail Federation, em Nova York (EUA) – com extensão ao Panamá, realizada no período de 9 a 18 de janeiro.

O líder classista destaca as vantagens da participação das empresas mineiras na convenção da NRF, afirmando que no evento os empresários tomam conhecimento de tendências e novidades para o varejo mundial, o que contribui para manter os seus negócios alinhados com o que há de mais avançado em termos de comercialização e gerenciamento.

Constituída de dezenas de empresários de quase 10 cidades do Estado, a comitiva de Minas participou de palestras, apresentação de tecnologias e visitas técnicas a empresas em sua participação no Big Show NRF 2015, que teve como foco principal a inovação nos canais de comunicação com o consumidor. “O varejo se modernizou e utiliza as mídias online para atender às necessidades cada vez mais imediatas dos clientes, e o celular é uma das ferramentas usadas pelos consumidores”, observa Renato de Castro, diretor executivo da Baumann Travel  – consultoria parceira da Federaminas no projeto de internacionalização de MPEs  e coordenador técnico da missão.

Em visitas guiadas pela feira, os participantes tiveram oportunidade de conhecer tecnologias especialmente desenvolvidas para atender a essa alta demanda de informação, criando experiências virtuais para impulsionar as vendas. “Além de auxiliar o cliente de forma eficaz e rápida, as novas tecnologias proporcionam a gestão de estoques e controle de mercadorias, como foi apresentado em estande da Tagsys RFID, empresa líder no setor”, acrescenta Castro.

O consultor empresarial Valmir Rodrigues da Silva, de Alfenas, que integrou a delegação da Federaminas, diz que através do evento pôde conhecer um novo conceito de satisfação do cliente. “Mais do que tratá-lo bem, satisfazer o cliente é fazer com que ele saiba exatamente o que está comprando, além de prestar-lhe o máximo de informações sobre o ambiente onde se encontra”, explica

Conforme o empresário Carlito Arruda, de Taiobeiras, também participante da missão, a NRF 2015 permitiu-lhe conhecer as tendências do comércio e como o mercado se comporta diante de inovações tecnológicas, o que o varejo vive hoje, sobretudo como o cliente tem a percepção do mundo e como ele quer ser tratado.

Na visita ao Panamá, a comitiva da Federaminas esteve na Zona Franca de Colon, a segunda maior área de livre comércio do mundo, localizada na entrada do Canal do Panamá.

Notícias relacionadas