Presidentes de bairros fazem reivindicações aos vereadores

Presidentes de bairros fazem reivindicações aos vereadores

Tarde de muita discussão nesta segunda-feira (30), na Câmara Municipal, em encontro de cerca de 20 pessoas entre presidentes e vice-presidentes de bairros e vereadores. A idéia da reunião surgiu do presidente dos bairros Ana Pinto de Almeida, Salomão Drummond e Francisco Duarte, João Carlos Borges (Toninho). Cada representante apresentou as demandas de seus bairros.

Toninho diz que o intuito da reunião foi pedir o apoio do Legislativo para buscar melhorias, ajustamentos e eleições para novas chapas. Os representantes dos bairros alegaram que não conseguem falar com o prefeito Jeová Moreira da Costa e a Câmara se propôs mediar essa conversa. Uma nova reunião na Câmara já está marcada para o dia 27 de abril.

Esta foi a primeira vez que todos os presidentes são convidados a conversar com o Legislativo. Para Toninho, as principais necessidades das associações são dívidas, legalização de estatuto, documentações e problemas individualizados em cada uma delas. “Os bairros estão muito parados, agora com esta reunião e os vereadores do nosso lado nós poderemos continuar”, diz.

O presidente da Câmara, Carlos Roberto Rosa, diz que a Câmara será parceira das associações de bairros.

“Vamos colocar uma pessoa para atender os presidentes das associações nas suas reivindicações e encaminhamentos, um advogado à disposição para regularizar a papelada das associações. O mais importante é que aqui é o parlamento, nós estamos recebendo esses presidentes que trazem as reivindicações da população e das pessoas que moram em seus bairros”, destaca o vereador.

Edna Castro

A vereadora Edna Castro se colocou à disposição dos presidentes e sugeriu que uma sala dos centros de convivência fosse emprestada para a realização de reuniões e outras atividades para os bairros que não possuem sede própria.

Juninho da Farmácia

O vereador José Maria Lemos Júnior (Juninho da Farmácia) pediu que as associações se organizassem e disse que elas são muito importantes para a cidade, sendo o Centro e a cara de cada bairro.

Lídia Jordão

Lídia salientou que todo início de governo é difícil, mas afirmou que os presidentes devem ser ouvidos pela administração municipal. Ela propôs que a Câmara realize audiência pública com a presença do prefeito e dos secretários.

José Gaspar Ferreira (Pezão)

O vereador José Gaspar sugeriu que fosse criado um espaço com assessorias aos presidentes para o desenvolvimento do grupo de pessoas.

Márcio de Paula

Márcio disse que a aproximação com os presidentes é muito importante e deve ter continuidade através de conversas apartidárias, visando o bem da cidade.

Mateus Vaz

Mateus falou sobre seus três mandatos como presidente de bairro e da importância do trabalho dessas pessoas. O vereador disse ter requerido operação tapa-buracos em seu bairro, mas só a rua da sua casa foi recuperada.

Em uma conversa, segundo ele, com o secretário municipal de Desenvolvimento Urbano, João Bosco Borges, o responsável pela pasta disse que estava privilegiando o vereador.

Mateus disse que o benefício deve ser de todo o bairro e não só da rua de sua casa. Ele também sugeriu, dentro das formas legais, a realização de reuniões itinerantes da Câmara Municipal.

Marco Antônio

O vereador destacou que as associações de bairro devem andar de mãos dadas com a comunidade e ter uma unidade com os moradores e vereadores.

José Domingos

Sair do campo das palavras e partir para as ações foi o pedido do vice-residente José Domingos Vaz, que pediu para que os presidentes de bairro deixem a politicagem de lado para lidar com a política.

César Romero da Silva

O vereador César Romero da Silva (Garrado) não compareceu à reunião.

Notícias relacionadas