Reeducação alimentar: um olhar diferente

Reeducação alimentar: um olhar diferente

Um corpo belo e esbelto é, atualmente, o objetivo de vários indivíduos. Sem dúvida alguma, as pessoas magras são menos propensas a certos tipos de patologia e contam com uma longevidade maior quando comparadas àquelas que sofrem com excesso de peso. As imprudentes dietas ditadas pela moda falham quase sempre. Por isso, emagrecer de maneira natural através da reeducação alimentar é a melhor e mais segura alternativa existente.

Felizmente, emagrecer não implica em seguir as dietas da moda ou padrões absurdos de alimentação. Com uma alimentação equilibrada, baseada em suas necessidades diárias, rica em alimentos adequados, qualquer pessoa pode perder peso. Muitas vezes a mudança para uma alimentação de baixo teor de gorduras e açúcares exige apenas alguns ajustes em seus hábitos alimentares. Pode ser necessário algum tempo para que a pessoa se habitue às mudanças, mas o aumento da vitalidade e a perda de peso constituem um poderoso incentivo para continuar.

Existem aqueles que estão sempre de “regime”, perdendo peso em uma semana e recuperando na outra. Emagrecer não requer uma semana de novos hábitos alimentares, manter um corpo mais magro requer ajustes para a vida toda. Toda pessoa conhece ou até mesmo já fez pelo menos um regime milagroso, seja o regime da lua, da sopa, dos líquidos, enfim, a lista de tortura dietética é imensa e a cada dia surgem novas opções para fazer você passar fome e ficar semanas de mau humor. E o que os “regimes milagrosos” tem em comum? Três coisas: se você seguir ao pé da letra, perderá peso rapidamente; elas se espalham facilmente e são incompatíveis com a alimentação diária normal. Não é difícil entender o porquê destes regimes serem falhos! Você já parou para pensar se o seu peso vai se manter o mesmo assim que você abandonar o regime? Você seria capaz de viver toda a sua vida fazendo este regime para manter o seu peso? Estes regimes milagrosos fazem sucesso por um curto período e faz com que você emagreça momentaneamente, ao passo que com a reeducação alimentar você permanece magro por toda a sua vida, e o que é mais importante, com muita saúde, comendo moderadamente e sem passar fome.

No lugar de dietas drásticas, procure adequar sua alimentação a um plano alimentar equilibrado, evitando alimentos gordurosos e ricos em açúcares simples. Dê preferência a alimentos integrais, utilize mais verduras e carnes magras nas suas refeições e se habitue a se alimentar a cada 3 horas para manter o seu metabolismo funcionando corretamente. Aqui o segredo é aumentar o número de refeições e diminuir a quantidade. A ingestão de água é outro fator muito importante para que o seu organismo trabalhe a seu favor. Evite o consumo de bebidas alcoólicas, pois além de calóricas, não fornecem nutrientes ao organismo, faça suas refeições com tranquilidade e procure não substituir o almoço ou jantar por lanches rápidos. Controle o uso do sal, evitando assim, o inchaço e a hipertensão. Evite frituras e dê preferência a alimentos cozidos, assados ou grelhados.

Sobre:

Nutricionista Pollyana Soraggi, graduada pela Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM) e pós graduada em Nutrição Esportiva pela AVM Faculdade Integrada.

 

Notícias relacionadas

Deixe um comentário: