Santa Casa de Misericórdia já recebeu R$ 10 milhões em 2015

Santa Casa de Misericórdia já recebeu R$ 10 milhões em 2015

O prefeito Aracely de Paula foi comunicado da autorização e efetuação de pagamentos de três convênios oriundos do Orçamento-Geral da União – Exercício de 2014. Um convênio contempla a Santa Casa de Misericórdia de Araxá no valor de R$ 1,2 milhão e dois convênios contemplam as Obras Assistenciais Casa do Caminho, nos valores de R$ 799.999,82 e R$ 400 mil. Os pagamentos foram realizados entre os dias 23 de outubro e 4 de novembro de 2015.

Os recursos são oriundos de emendas parlamentares do prefeito Aracely de Paula, indicados quando ainda exercia mandato de deputado federal, e foram comunicados via gabinete do deputado federal Mário Heringer.

Os convênios são para aquisição de equipamento e material permanente para Unidade de Atenção Especializada em Saúde e manutenção de Unidade de Saúde.

Além disso, foi repassada recentemente à Santa Casa outra emenda de autoria do prefeito Aracely de Paula no valor de R$ 960 mil. A Prefeitura de Araxá ainda contempla a entidade com pagamentos mensais no valor de R$ 200 mil para a prestação de serviços médicos (plantões) e R$ 37,5 mil mensais via Programa de Fortalecimento das Portas de Urgência e Emergência (Prourge), referentes ao funcionamento do Pronto Atendimento Municipal (PAM) nas instalações da Santa Casa. O Município firmou ainda convênio com a Santa Casa no valor de R$ 650 mil.

A Santa Casa também conta com cerca de R$ 400 mil mensais via contrato com o Estado para o atendimento pelo Sistema Único de Saúde (SUS). E a entidade recebeu, também pelo Estado, cerca de R$ 400 mil pelo Programa de Fortalecimento e Melhoria da Qualidade dos Hospitais dos SUS/MG (Pró-Hosp).

Somando todos os convênios, são cerca de R$ 10,4 milhões firmados com a Santa Casa em 2015.

R$ 395 mil para a Atenção Básica

O prefeito Aracely de Paula também foi comunicado a autorização e efetivação do pagamento de convênios da ordem de R$ 395.625,00, também de sua autoria quando deputado federal, objetivando a aquisição de equipamentos hospitalares para a Rede Municipal de Atenção Básica de Saúde. Esses convênios estavam inscritos em restos a pagar dos Orçamentos-Gerais da União dos Exercícios 2012, 2013 e 2014.

Fonte: Ascom Prefeitura

Notícias relacionadas

Deixe um comentário: