Senac Araxá e Secretaria Municipal de Saúde se unem na luta contra a rubéola

Até o dia 5 de setembro, 92 alunos do curso Técnico em Enfermagem, atendidos no Senac Araxá, através do PEP (Programa de Educação Profissional) estarão engajados na luta contra a rubéola, sob a coordenação de seis enfermeiros.

 A parceria firmada com a Secretaria Municipal de Saúde prevê a imunização de cerca de sete mil pessoas, em 17 pontos diferentes da cidade. O trabalho começou na segunda-feira (18), na sede do Senac, passou pelo Colégio Dom Bosco, pela Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração (CBMM) e agora atingirá o Colégio Monteiro Lobato, além de outras instituições de ensino estaduais e municipais.

 A Campanha Nacional de Vacinação para a Eliminação da Rubéola, promovida pelo Ministério da Saúde, conta também com apoio do Governo de Minas. A iniciativa surgiu em função dos mais de 8.500 casos registrados entre 2006 e 2007 no Brasil. A intenção é vacinar 70 milhões de homens e mulheres, de todas as idades, eliminando a possibilidade de restarem pessoas não imunizadas, interrompendo então a circulação do vírus no país.

 “A vacina está sendo indicada para todos os homens e mulheres, independente de já terem tomado a dose anteriormente ou de já terem contraído a doença”, esclarece a coordenadora do curso Técnico em Enfermagem do Senac Araxá, Ana Eugênia Loyolla Hollanders.

A rubéola é uma doença causada por um vírus que acomete crianças, adolescentes e adultos. Geralmente, provoca febre e machas vermelhas tipo “urticária”, que se iniciam no rosto, no couro cabeludo e pescoço e se alastram para o tronco, braços e pernas. “É uma doença que geralmente tem uma evolução benigna, podendo até passar despercebida, ou seja, não apresenta sintomas, mas tem seus perigos”, afirma Ana Eugênia.

 Quando uma mulher contrai rubéola, especialmente nos primeiros três meses de gravidez, o vírus pode passar através da placenta para o bebê em formação e trazer graves conseqüências. Os problemas mais comuns são aborto espontâneo, morte fetal, malformações congênitas e anomalias como surdez, lesões na retina, catarata, glaucoma, entre outras.

 Como em se tratando de saúde, todo cuidado é pouco, a coordenadora do curso Técnico em Enfermagem do Senac Araxá frisa que a vacina é contra-indicada para mulheres grávidas, para pessoas que já tiveram reação alérgica grave à vacina, indivíduos com imunodeficiências congênitas ou adquiridas, pacientes que estão fazendo uso de corticóides em doses imunossupressoras, ou seja, que baixam a imunidade, pessoas em tratamento quimioterápico e transplantados de medula óssea, cuja cirurgia tenha sido feita com menos de dois anos.

Confira os locais de vacinação:

• 22/08 – sexta-feira 

7h às 11h e 19h às 22h – Colégio Atena / Unopar

• 23/08 – sábado           

7h às 15h – Tenda Volante na Av. Antônio Carlos / Centro de Araxá

• 25/08 – segunda-feira         

7h às 11h e 13h às 17h – Escola Estadual Padre Anacleto

• 26/08 – terça-feira               

13h às 16h – Vera Cruz Transportes e Turismo

• 27/08 – quarta-feira

7h às 11h, 13h às 17h, 19h às 21h – Escola Municipal CAIC

• 28/08 – quinta-feira

7h às 11h, 13h às 17h, 19h às 22h – Escola Municipal Rotary

• 29/08 – sexta-feira             

7h às 11h – Colégio São Domingos

• 02/09 – terça-feira              

7h às 11h, 13 às 17h, 19h às 21h – Escola Estadual Loren Rios Feres

• 03/09 – quarta-feira

14h às 17h – Bem Brasil Beneficiadora de Batatas

• 04/09 – quinta-feira

13h às 15h – PCA: Programa de Crianças e Adolescentes da Prefeitura de Araxá

• 05/09 – sexta-feira             

14h às 15h – Pequeno Jardineiro

19h – Senac Araxá – Encerramento da Campanha

Notícias relacionadas