Sétima Conferência Municipal de Saúde avalia e propõe diretrizes para Araxá

Sétima Conferência Municipal de Saúde avalia e propõe diretrizes para Araxá

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e o Conselho Municipal de Saúde (CMS) promoveram, nos dias 10 e 11 de julho, a 7ª Conferência Municipal de Saúde, com abertura oficial promovida no Teatro Municipal e presença de grande público.

Com o tema “Saúde Pública de Qualidade para Cuidar Bem das Pessoas: Direito do Povo Brasileiro”, a etapa municipal avaliou e propôs diretrizes das políticas de saúde, discutiu temas específicos para novas diretrizes da política de saúde, elegeu delegados para etapa estadual da Conferência de Saúde e registrou a presença da população representada por meio de entidades como associações de moradores de bairro, de familiares e funcionários do Setor da Saúde em Araxá.

Em seu pronunciamento na abertura do evento, o prefeito Aracely de Paula destacou que a conferência mostra que todos os envolvidos são agentes da saúde. “Todos nós somos seres humanos e pacientes da saúde. Falar da saúde é falar da nossa casa, é falar da nossa esposa, dos nossos filhos. Falar da saúde é falar daqueles que se foram e daqueles que estão por vir. Falar da saúde é falar da vida.”

<p>A vice-prefeita e secretária municipal de Saúde, Lídia Jordão, reforçou a importância da conferência como um amplo espaço democrático de construção da Política Pública de Saúde. “Fazemos questão de ouvir toda a população de Araxá. Abrimos as nossas portas e os nossos trabalhos, colocando-nos à disposição da comunidade de tudo aquilo que ela julgar necessário para uma saúde de qualidade.”

O presidente do Conselho Municipal de Saúde, Elias Pedro Vieira, destacou a conferência como a “mais importante da nossa história”. “Diferente das conferências que passaram e das muitas que virão, contém um desafio e a urgência do hoje e do agora. Terminada essa conferência, esperamos ter aberto um espaço de diálogo onde possamos sentar e conversar junto com governo, trabalhadores, prestadores de serviço, usuários e sociedade”, comentou.

Palestra magna

Ainda na abertura, houve a palestra relacionada ao tema da conferência proferida pelo conselheiro nacional de Saúde, Eni Carajá Filho. Estiveram também presentes o superintendente regional de Saúde, Ivan José da Silva, o vereador Romário Gerson Galdino representando a Câmara Municipal, dentre outros membros da sociedade civil e organizada. Na abertura, foi lido o regimento da conferência para apreciação do público.

Eixos temáticos

Os eixos temáticos da 7ª edição foram relacionados ao direito à saúde, garantia de acesso e atenção de qualidade, participação social, valorização do trabalho e da educação em saúde, financiamento do SUS (Sistema Único de Sáude) e relação público-privado, gestão do SUS e modelos de atenção a saúde, informação, educação e política de comunicação do SUS, ciência, tecnologia e inovação no SUS e reformas democráticas e populares do Estado.

Segundo dia

No sábado (11), debates, grupos de trabalho e escolha dos delegados que irão representar Araxá na etapa estadual ocorreram durante todo o dia, no Virgilius Palace Hotel.

Um debate sobre o tema “Discussão dos eixos temáticos em defesa dos SUS com qualidade e resolubilidade para todos” movimentou mais de 200 pessoas.

Houve ainda a formação de grupos de trabalhos com intuito de levantar propostas a nível municipal e estadual. Na oportunidade, os delegados que irão representar Araxá na etapa estadual da Conferência de Saúde foram eleitos.

Usuários do SUS

Titulares: Santo Christo da Silva, Édson Adolfo da Silva, Rogério Farah, Idani Maria de Souza da Silva, Mary Helen Augusto Peres e Cirene Luiz de Oliveira.

Suplentes: Marcelo Luís Alves, Marizete Aparecida Augusto, Heraclita Ramos de Jesus Silva e Izabel Cristina dos Santos.

Trabalhadores da Saúde

Titulares: Marcos Vinícius Cruz, Eunice Maria Marcelino e Aleteia D’ Alcântara Gonçalves Silva.

Suplentes: Elisângela Aparecida Cardoso, Cíntia Débora Ferreira de Castro Vieira e Jeferson Leonardo Ferreira.

Gestores e Prestadores

Titulares: Elvira Aparecida Oliveira Pereira, Cristiane Pereira Gonçalves e Eduardo Eurípedes Silva.

Suplentes: Eva Marineli Afonso de Almeida, Flávia Aparecida Freire de Almeida e Cristiane dos Santos Andrade.

Notícias relacionadas