Taxista é morto no Armando Santos

Taxista é morto no Armando Santos

Um taxista morreu na madrugada de hoje (2) após realizar uma corrida para três homens, por volta das 4h. Segundo a Polícia Militar (PM), José Donizete da Silva, de 53 anos, conhecido como Zé Baiano, foi abordado por três assaltantes na rua Wânia Rezende de Paiva, no Armando Santos, e esfaqueado.

Os bandidos tentaram fugir com o veículo do taxista, um Astra branco, mas bateram no muro de uma casa e abandonaram o táxi no local.

Eles fugiram a pé levando todo o dinheiro do trabalhador. A PM acionou o Corpo de Bombeiros após a denúncia de que havia um homem caído na rua e sangrando muito. A vítima chegou a ser resgatada, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na Santa Casa de Misericórdia. 

No ponto de táxi da Igreja do Rosário, onde Zé Baiano trabalhava, ninguém quis gravar entrevista e os colegas de profissão se mostraram perplexos com o ocorrido. Militares do 37ª Batalhão estiveram no ponto e colheram informações para as buscas. A Polícia Civil investiga o latrocínio.

Notícias relacionadas