Super banner
Super banner

Tigrão vence jogo equilibrado contra o GEF e sai na vantagem

Tigrão vence jogo equilibrado contra o GEF e sai na vantagem

Comemoração do primeiro gol do Tigrão - Foto: Caio Aureliano

Da Redação – Neste domingo (21), o Campeonato Amador iniciou as disputas da semifinal. Em um destes jogos, o Tigrão venceu a primeira partida contra o GEF, no campo do bairro Mangabeiras, por 3 a 2, e pode até empatar para ser finalista. Já o alviverde necessita de uma vitória por dois gols de diferença para se classificar. Caso o resultado de vitória por um gol se repita, a decisão vai aos pênaltis, pois na competição não tem vantagem por dois placares com a mesma diferença de gols a favor do time de melhor campanha.

No outro confronto, o Dínamo fez 2 a 1 e está na mesma situação do Tigrão. Já o Inter, apenas a vitória por dois gols de vantagem garante a equipe da Rua Bahia na final do Amadorão.

Os jogos de volta da semifinal acontecem no próximo domingo (28), com GEF x Tigrão e Dínamo X Internacional. As datas e os horários serão divulgados nesta semana pela Liga Araxaense de Desportos (LAD).

Empate na primeira etapa

Devido ao forte calor, Tigrão e GEF fizeram uma partida em que seus defensores estavam anulando as principais peças das equipes. Nas poucas chances que tiveram, o Tigrão foi quem chegou mais perto de abrir o placar com Alexandre, que, na grande área, tocou no travessão. Aos 37 minutos, o meio-campista Alan rolou a bola para Alexandre que mandou rasteiro no canto, abrindo o placar.

A festa da torcida do Tigrão durou apenas 4 minutos, pois o GEF conseguiu o empate. Na cobrança de escanteio de Rafael Bundinha, Malaia tocou de cabeça, deixando tudo igual. O GEF tentou sair na frente do marcador para o intervalo e quase assinalou o segundo gol com Arthur em cruzamento de Malaia, só que Douglas Silva chegou antes do artilheiro do Amadorão e cedeu escanteio.

Tigrão vence

No começo do segundo tempo, o Tigrão acertou novamente o travessão, desta vez, em linda jogada de bicicleta do atacante Marcos. Aos 6 minutos, o time do treinador Edvaldo Pelanca voltou a ficar na frente do placar com Alan em chute que o goleiro Vaguinho falhou, com a bola passando por debaixo de suas pernas e balançando a rede.

Na sequência, o Tigrão fez o terceiro gol com Serginho, que finalizou jogada pelo lado direito e, na cara de Vaguinho, também fez. Aos 18 minutos, o árbitro Edílson José apontou pênalti em toque de mão dentro da área a favor do GEF. Na cobrança, Arthur fez o seu 27° gol do Amadorão, e diminuiu o placar para 3 a 2.

O Tigrão viu a sua situação complicar ainda mais com a expulsão de Vaninho por causa do segundo cartão amarelo, levou o vermelho em seguida.  Os visitantes conseguiram superar a perda do seu jogador e teve as melhores chances de aumentar o placar com Mateus Mota, que não fez porque no primeiro lance o goleiro Vaguinho salvou em sua frente, e depois Alan tirou o toque de cobertura do adversário em cima da linha.

O jogo terminou mesmo com a vitória do Tigrão por 3 a 2, que joga com GEF por um empate para se classificar, mesma condição do Dínamo que venceu de 2 a 1 a equipe do Internacional, na Chácara Dona Adélia. O GEF precisa vencer por dois gols de diferença para ser um dos finalistas, mesma situação condicionada ao Internacional.

Ficha técnica

Tigrão: Arlem; Vaninho, Raul, Igor Goiaba e Douglas Silva; Cafu, Alan, Serginho (Mateus Mota) (Gílson) e Caio (Ariterlan); Marcos (Elvinho) e Alexandre (Gerson). Treinador: Edvaldo Pelanca.

GEF: Vaguinho; Ítalo (Dudu), Douglas, Émerson e Amaral; Timinho, Rafael Bundinha, Renê (Fernando Henrique) e Bruno César; Malaia e Arthur. Treinador: Cláudio Macedo.

Gols no primeiro tempo: Alexandre, aos 37, e Malaia, aos 41 minutos.

Gols no segundo tempo: Alan, aos 6, Serginho, aos 10, e Arthur, aos 18 minutos.

Arbitragem: Edílson José, auxiliado por Sebastião Aparecido e Washington Humberto.

Cartões amarelos: Alexandre (Tigrão); Dudu (GEF)

Cartão vermelho: Vaninho (Tigrão).

Notícias relacionadas